Dutra diz que campanha não tem contrato com estrategista de Obama

Negociação ocorreu por meio do marqueteiro João Santana; americano teve encontro com vários dirigentes do PT

iG São Paulo |

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, empenhou-se em negar que o partido tenha contratado para a campanha presidencial da ex-ministra Dilma Rousseff os serviços do americano Ben Self, responsável pela estratégia de marketing digital da campanha do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. De acordo com ele, o PT contratou a empresa Pepper, que presta assessoria à campanha. "Não temos contato individual com quem ele (Pepper) contrata. As pessoas que são arregimentadas são de responsabilidade da empresa", afirmou Dutra.

A contratação de um serviço de consultoria prestado pela equipe de Ben Self começou a ser negociada ainda em 2009. Na época, o americano chegou a se reunir com dirigentes do PT, para apresentar os diferentes tipos de serviços que sua empresa, a Blue State Digital, poderia oferecer à candidatura de Dilma. Toda a negociação, entretanto, ocorreu por intermédio do marqueteiro João Santana, à frente da comunicação da campanha de Dilma. A política adotada desde aquela época pelo comando partidário era a de dizer que se tratava de uma iniciativa exclusiva do marqueteiro.

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara aprovou hoje a convocação do norte-americano Ben Self e de Scott Goodstein, além do ministro-chefe da Controladoria Geral da União, Jorge Hage. De autoria do PSDB, o requerimento de convocação quer que os norte-americanos esclareçam se há irregularidades nos contratos do governo com empresas de comunicação e se o dinheiro público foi usado na pré-campanha de Dilma.

*Com informações da Agência Estado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG