Dilma e Serra falam sobre políticas educacionais na TV

Tucano e a petista aproveitam Dia do Professor para se aproximar do tema e criticar o que foi feito na gestão adversária

iG São Paulo |

Os candidatos à Presidência da República utilizaram seus programas eleitorais transmitidos na noite desta sexta-feira na TV para abordar questões sobre educação. Se a postulante petista ao cargo, Dilma Rousseff , utilizou seu tempo para tentar desconstruir a atuação do candidato José Serra (PSDB) na área da educação quando ele esteve à frente do governo de São Paulo, o tucano apresentou sua biografia relacionada ao magistério.

A peça eleitoral de Dilma critica o modelo de ensino técnico em São Paulo e a aprovação automática. O programa também citou greves dos professores da rede estadual e a invasão da Universidade de São Paulo . “No governo de Serra os professores foram tratados assim, com cacetada”, afirmou um locutor.

Ao longo do programa petista foram ressaltados ainda números relacionados à educação do governo Luiz Inácio Lula da Silva, como a criação do Fundeb, a criação de universidades federais, escolas técnicas e a distribuição de bolsas para jovens carentes por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni).

Já José Serra, no Dia do Professor, durante a apresentação de sua biografia, afirmou que é mestre por profissão e destacou o que seu governo em São Paulo fez na área de educação. Segundo o presidenciável, ele foi o responsável pela construção de escolas no Estado, aumentou o salário dos professores acima da inflação e dobrou o número de faculdades de tecnologia.

O programa tucano ressaltou ainda medidas tomadas por Serra enquanto ministro e governador destinados à população de baixa renda, como vacinas para idosos e seguro-desemprego. O candidato ainda aproveitou o tempo para falar sobre privatização. “Na véspera de eleição, o PT sempre inventa coisas para atingir os candidatos. Como presidente vou fortalecer as empresas públicas brasileiras”, prometeu.

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições serraeleições dilma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG