Dilma deve partir para o ataque no debate da Band

Segundo assessores, candidata do PT à Presidência irá questionar as administrações de Serra em São Paulo

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff , deve partir para o ataque contra o tucano José Serra no debate deste domingo, o primeiro do segundo turno da disputa presidencial, realizado pela Band, em São Paulo. Segundo integrantes da coordenação da campanha de Dilma, ela vai questionar as administrações de Serra na Prefeitura e no governo de São Paulo.

A desconstrução do governo Serra é uma das táticas que o PT pretende usar para reverter o quadro em favor da petista no Estado que concentra o maior colégio eleitoral do país.

A coordenação da campanha de Dilma argumenta que os votos da petista e de Marina Silva (PV) chegaram a 60% em São Paulo, ou seja, que a maior parte dos eleitores do Estado votaram contra o ex-governador.

De olho nos votos da classe média, Dilma também vai tentar colar em Serra o rótulo de porta-voz dos setores mais conservadores da sociedade. Além disso, a candidata vai investir em propostas e na comparação entre os governos Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Henrique Cardoso.

Em entrevista depois de uma visita à Bienal de Artes de São Paulo, na manhã deste domingo, Dilma disse que o debate entre apenas dois candidatos permitirá ao eleitor ver o contraste entre ela e Serra.
"Agora é mais fácil, só tem dois. Assim as posições vão ficar mais claras, as dúvidas serão melhor esclarecidas e vai ser mais fácil que o eleitor possa vez através do contraste das posições em quem votar", disse Dilma.

    Leia tudo sobre: eleiçõeseleições dilmapleito 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG