Dilma cita Ulysses e elogia 'lealdade' do PMDB

Depois de exaltar o getulismo em festa do PDT, Dilma adaptou discurso para plateia de peemedebistas

Andréia Sadi, Brasília, e Ricardo Galhardo, enviado especial |

Depois de participar da festa do PDT em São Paulo e exaltar o getulismo, a pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, preferiu evocar Ulysses Guimarães na conveção do PMDB, em Brasília. “Vocês lembram melhor que eu como era em 1973, naquela época a gente ficava muito apertado entre a despesperança e a falta de luz no fim do túnel. A esperança parecia uma coisa vazia”, disse Dilma, ao se referir ao líder peemedebista morto em um acidente de helicóptero no começo da década de 90.

Recebida no evento com uma chuva de balões, para celebrar a aliança, Dilma disse que o PMDB foi um parceiro durante o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ela, foi em cima da “lealdade” dos quadros do partido que se integraram ao governo que foi possível fazer uma política bem avaliada.

“Nossa parceria com os ministérios, os governadores, e eu saúdo cada um deles. Nós também construímos no Congresso Nacional uma parceira”, disse.

“Hoje, o PT e o PMDB se unem mais uma vez para fazer história. E isso significa avançar da maneira mais sólida pelo Brasil. Nós, juntos, nos submeteremos daqui para frente à vontade soberana do povo. Mas eu tenho certeza de que o Michel contribui de maneira especial para que essa passagem pelo escrutínio das urnas seja vitoriosa”, confirmou Dilma.

Sobre Temer, oficializado hoje como vice na chapa presidencial petista, Dilma disse que o deputado "sabe respeitar a opinião" de diferentes segmentos. Disse ainda que, quando chegar ao Planalto, os dois irão governar para todos.

"E o Michel Temer dará contribuição para que façamos um governo justo, que crie ambiente de diálogo e compreensão. Hoje partimos para uma jornada em direção ao futuro. E ela precisa de vocês", pediu. A petista lembrou também a época da ditadura militar. Elogiou também o senador Pedro Simon (PMDB), do Rio Grande do Sul.

    Leia tudo sobre: dilmapmdbtemerpt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG