Depois de debate, Serra intensifica agenda no Nordeste

Reportagem do iG constata que campanha eleitoral ainda está com ritmo lento na região

Adriano Ceolin, enviado a Barreiras |

O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra , visitará nesta sexta-feira o extremo Oeste da Bahia. Ele tem atividades nos municípios de Bom Jesus da Lapa e Barreiras, que fica a 860 km de Salvador.

O tucano deverá participar de uma romaria ao Santuário de Bom Jesus da Lapa a partir das 15 horas. Depois, Serra irá para Barreiras, onde terá um encontro com lideranças políticas e produtores agrícolas
A visita de Serra acontece um dia depois do primeiro debate com os quatro principais candidatos a presidente da República, realizado nesta quinta-feira à noite pela TV Bandeirantes em São Paulo.

Na véspera da chegada de Serra, a reportagem do iG foi às ruas de Barreiras e constatou que a campanha eleitoral na cidade ainda não começou de fato. Uma característica comum de municípios do interior.

Com as limitações de propaganda eleitoral (proibição de pintura de muros, por exemplo) e dificuldade de arrecadação de recursos, o ritmo das campanhas só deverá começar a ficar intenso a partir de setembro.

A lei da Ficha Limpa fez com que alguns políticos retardassem o início de suas campanhas. Teve quem preferiu esperar a aprovação do registro de candidatura pela Justiça Eleitoral. É o caso de Oziel Oliveira, candidato a deputado federal pelo PDT baiano. Ex-prefeito de Luís Eduardo Magalhães (BA) entre 2001 e 2008, ele é marido da prefeita de Barreiras, Jusmari Oliveira (PR).

Com risco de impugnação por causa da falta de apresentação de certidões de nada consta, a candidatura de Oziel só foi aprovada no último dia 30 de julho. “Mas não tinha nada contra ele, como o procurador eleitoral constatou depois”, disse Jusmari.

Dificuldades para Serra

O casal Oziel e Jusmari promete causar dificuldades para Serra em Barreiras e em Luís Eduardo. “Aqui na região é todo mundo Dilma Rousseff (PT)”, disse Oziel. “O povo quer continuidade”, completou Jusmari.

Filiada ao PR, a prefeita não segue a orientação do seu partido de apoiar o deputado federal Geddel Vieira Lima (PMDB) como candidato ao governo. “Meu compromisso com o atual Jaques Wagner (PT)”, disse. Até 2007, Jusmari foi filiada ao PFL (atual DEM). Ele deixou o partido quando era deputada federal e o quase teve o mandato cassado por infidelidade partidária. “Provei que foi o partido que foi infiel comigo”, disse.

Em Barreiras o principal aliado de Serra é o ex-prefeito de Barreiras Samuel Pedrosa, candidato a deputado federal pelo PSDB.

    Leia tudo sobre: Eleições SerraEleições BA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG