Datafolha: Tarso mantém liderança no RS com 45%

José Fogaça (PMDB) está em segundo lugar, com 25%, seguido por Yeda Crusius (PSDB), que aparece com 15%

Agência Estado |

selo

O candidato do PT ao governo do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, manteve a liderança da corrida eleitoral deste ano, com 45% das intenções de voto na modalidade estimulada, em pesquisa do Datafolha para o Grupo RBS publicada nesta quinta-feira pelo jornal Zero Hora. José Fogaça, do PMDB, está em segundo lugar, com 25%, seguido por Yeda Crusius (PSDB), com 15%, e Pedro Ruas (PSOL), com 1%.
Os outros cinco candidatos não pontuaram.

Na pesquisa, 3% dos eleitores gaúchos afirmam que irão votar em branco ou anular. Na reta final da eleição, 10% ainda não decidiram em quem votar.

A sondagem, feita nos dias 28 e 29 de setembro, revela pequena variação em relação à anterior, de 21 e 22 de setembro. Naquele levantamento, Tarso tinha 46%, Fogaça 23%, Yeda 15% e Ruas 1%.

Se calculados os votos válidos, Tarso ficaria com 52% da preferência, mas sem a certeza da vitória no primeiro turno porque a margem de erro é três pontos porcentuais para mais ou para menos. A alta taxa de indecisos, de 32%, na modalidade espontânea, não oferece segurança de resultados.

Senado e Presidência

A consulta também detectou a intenção de votos para o Senado. Ana Amélia Lemos (PP) lidera a corrida com 53% da preferência dos entrevistados, seguida de perto por Paulo Paim (PT), com 49%. O ex-governador Germano Rigotto (PMDB) tem 39% enquanto Abgail Pereira (PC do B) tem 12%.

A pesquisa apontou, ainda, uma pequena variação em relação à anterior na disputa pela Presidência da República no Estado. Dilma Rousseff (PT) caiu de 45% para 43%, José Serra (PSDB) caiu de 36% para 35% e Marina Silva (PV) subiu de 9% para 10% da preferência dos gaúchos.

A pesquisa foi solicitada pelo Grupo RBS e jornal Folha de S. Paulo e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 33.146/2010 e no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS) sob o número 50.164/2010. Os entrevistadores consultaram 1,4 mil eleitores de 56 municípios entre os dias 28 e 29 de setembro. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos.

    Leia tudo sobre: eleições rsdatafolhatarso genrofogaçayeda crusius

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG