Collor volta ao Senado após perder vaga no 2º turno em Alagoas

Ex-presidente fica em terceiro na disputa contra Ronaldo Lessa e Teotônio Vilela

iG São Paulo |

O ex-presidente da República Fernando Collor perdeu a chance de voltar ao Palácio da República dos Palmares, sede do governo de Alagoas. Collor ficou de fora do segundo turno que será disputado entre os candidatos Teotônio Vilela, atual governador, do PSDB, e o ex-governador Ronaldo Lessa, do PDT.

Collor, que disputou a corrida estadual pelo PTB, teve 28,8% dos votos, ligeiramente abaixo do índice alcançado por Lessa. Perdendo ao governo, o ex-presidente volta ao Senado, na vaga que obteve em 2006. Seu mandato como senador termina daqui a quatro anos.

AE
Fernando Collor ficou de fora da disputa ao governo de Alagoas
Foi no governo de Alagoas, entre 1987 e 1989, que Collor deu início à sua caminhada à Presidência da República. Em sua campanha de “Caçador de Marajás”, Collor firmou a imagem de administrador austero, abrindo críticas contra os altos salários do funcionalismo público.

Sua popularidade aumentou em espectro nacional, ajudando a consolidar sua candidatura ao Palácio do Planalto em 1989. Ao longo da campanha, atacou a corrupção e a alta inflação do governo José Sarney. Vitorioso no primeiro turno, Collor enfrentou Lula numa acirrada disputa eleitoral com duros ataques ao candidato petista.

    Leia tudo sobre: eleições alcollorronaldo lessa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG