Ciro: Dilma é boa administradora, mas falta experiência política

Deputado nega convite para assumir algum ministério ou estatal em um eventual governo de Dilma

Lauriberto Braga, iG Ceará |

O maior desafio de Dilma Rousseff (PT) será mediar a sua base de sustentação, que é bem heterogênea. Essa é a opinião do deputado Ciro Gomes (PSB) que, ao votar em trânsito em Fortaleza (CE), afirmou que apesar de faltar à candidata experiência política, “ela é uma grande administradora". Negando que tenha sido convidado para assumir algum ministério, caso a petista seja eleita, Ciro disse que acompanhará a apuração em Fortaleza. “Fui convidado (a ir a Brasília), mas estou com preguiça de viajar”, disse.

Questionado sobre qual seria a solução para Dilma governar com uma base política heterogênea, Ciro disse que no presidencialismo o presidente da República é o responsável pelas articulações. “A figura do presidente deve se cercar de mediadores, mas no presidencialismo à brasileira, especialmente, a mediação necessariamente é do presidente da República”, pontuou o deputado.

 Com um ótimo humor, Ciro confessou aos jornalistas que estava com grande vontade de “dar um tempo da política”. “Eu estou por mim, porque é minha vocação, o que sempre me realizou, mas sempre estive mais pelo Ceará”, disse ele, negando que tenha tido qualquer convite para ir a alguma estatal, afirmando que Lula foi o responsável pela “fofoca”. “Foi uma forma de brincar comigo, de me agradar (...), salário do ministro é muito pequeno, claro em relação ao que eu ganho, por exemplo, numa palestra (...) e eu reclamava”.

 Ciro falou ainda sobre uma futura candidatura à Presidência da República em 2014 e negou qualquer tipo de convite. “Eu não posso responder a uma pergunta porque nem sequer recebi convite”, disse ele dizendo que, algumas vezes, chegou a ser mal interpretado de que teria aspirações de ser presidente do Brasil.

Ciro contou aos repórteres que pretende solicitar “imediatamente” a transferência do seu domicílio eleitoral de São Paulo de volta para o Ceará. Ele chegou ao local de votação acompanhado apenas do assessor Luiz Serpa, por volta de meio dia. Esperou dois minutos na fila e votou em 15 segundos.

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições ceciro gomeseleições dilma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG