Cesar Maia diz que DEM terá candidato à Presidência em 2014

Para ex-prefeito do Rio, ausência de candidato majoritário afetará o número de eleitos pelo partido

Reuters |

O candidato a senador pelo Rio de Janeiro Cesar Maia disse neste domingo ao votar que seu partido, o DEM, terá candidato próprio na eleição de 2014.

O DEM, que nesta eleição apoia o candidato do PSDB, José Serra, apoiou candidatos tucanos à Presidência em eleições recentes e, neste ano, indicou o deputado Indio da Costa (RJ) como vice na chapa de Serra.

"O DEM terá candidato à Presidência na próxima eleição. Não ter alguém disputando significa diminuir a nossa bancada", disse Maia a jornalistas após votar na zona sul do Rio de Janeiro.

Segundo projeções de consultorias políticas, o DEM deve ser o partido que sairá mais enfraquecido nessas eleições, sofrendo redução de sua bancada tanto no Senado quanto na Câmara dos Deputados.

O próprio Cesar Maia, ex-prefeito do Rio de Janeiro, enfrenta dificuldade para se eleger senador. Segundo pesquisa do Datafolha divulgada no sábado, ele está em terceiro lugar com 17 por cento dos votos válidos.

Segundo o instituto, Lindberg Farias (PT) e Marcelo Crivella (PRB), que concorre à reeleição, devem se eleger com 27 por cento e 24 por cento dos votos válidos, respectivamente.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG