César Borges recebe apoio de 19 vereadores de Salvador

Candidato do PR ao Senado conta com adesão de parlamentares do bloco do prefeito peemedebista João Henrique

Lucas Esteves, iG Bahia |

O senador baiano César Borges (PR), candidato à reeleição, recebeu o apoio formal de 19 vereadores de Salvador à sua campanha em almoço realizado na capital baiana nesta quinta-feira. O número de parlamentares corresponde a 44% dos 43 integrantes da Câmara de Vereadores da cidade e corresponde exatamente ao bloco de apoio ao governo do prefeito João Henrique Carneiro (PMDB).

Entretanto, entre eles há ao menos uma dissidente. Trata-se de Tia Eron (DEM), que teoricamente deveria apoiar um dos senadores de seu partido, que tenta eleger José Carlos Aleluia e José Ronaldo ao Senado. Os outros todos se inserem também no bloco dos 10 partidos que compõem a chapa de Geddel Vieira Lima (PMDB) ao Governo do Estado, grupo do qual Borges se aliou nas eleições deste ano.

A estratégia de apoio serve apenas para o próprio César Borges e exclui o outro candidato ao Senado da chapa de Geddel, Edvaldo Brito (PTB). Na campanha baiana, apenas o grupo de Jaques Wagner promove sempre simultaneamente seus dois candidatos ao parlamento: Walter Pinheiro (PT) e Lídice da Mata (PSB). Já nas coligações de Geddel e Paulo Souto (DEM), cada postulante ao Senado trabalha unicamente por si, apesar de nestas eleições haver dois votos para senador a serem depositados nas urnas.

A salada de partidos que integra o grupo, segundo o senador, é o exercício da prática de política independente. “Faço parte da base do presidente Lula, mas voto de acordo com a minha consciência, pautado pelo que é melhor para meus conterrâneos”, disse. O republicano ironizou também o mote da campanha petista no Estado, que se autointitula “o time de Lula”, e afirmou ser do “time da Bahia”.

Participaram do jantar os vereadores Alfredo Mangueira (PMDB), Pedrinho Pepê (PMDB), Carlos Muniz (PTN), Isnard Araújo (PR), Pedro Godinho (PMDB), Everaldo Bispo (PMDB), Paulo Câmara (PSDB), Sandoval Guimarães (PMDB), Edson da União (PMN), Heber Santana (PSC), Téo Sena (PTC), Pastor Luciano (PMN), Alberto Braga (PSC), Bomba (PRP), Leo Kret (PR), Tia Eron (DEM), Luizinho Sobral (PTN), TC Mustafa (PTB) e Paulo Magalhães Júnior (PSC).

    Leia tudo sobre: eleições basenadoborges

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG