Candidatos nos Estados têm última rodada de debates do 1º turno

TV Globo realiza confrontos em todos os 26 Estados brasileiros e no Distrito Federal nesta terça-feira

iG São Paulo |

Os candidatos aos governos dos 26 Estados brasileiros e do Distrito Federal participam nesta terça-feira da última rodada de debates regionais antes da ida às urnas, no próximo dia 3 de outubro. Graças aos índices de audiência da emissora, os confrontos são vistos pelas campanhas como oportunidade para tentar interferir no cenário da disputa e virar o jogo antes do pleito. Os debates serão transmitidos ao vivo, pela Rede Globo e afiliadas, por volta das 22 horas (horário de Brasília).

No maior colégio eleitoral do País, o debate de hoje marcará mais um confronto entre o senador Aloizio Mercadante (PT-SP) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB). O tucano lidera as pesquisas de intenção de voto. O petista, entretanto, trabalha para levar a disputa para o segundo turno. Participam ainda os candidatos Fabio Feldmann (PV), Celso Russomanno (PP), Geraldo Alckmin (PSDB), Paulo Bufalo (PSOL) e Paulo Skaf (PSB).

No Rio, Fernando Gabeira (PV) e Fernando Peregrino (PR) trabalham para amenizar a vantagem do governador Sérgio Cabral (PMDB) no último debate do primeiro turno. Apoiado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Cabral tem cerca de 60% das intenções de voto e tem dito que pretende repetir a estratégia de debates anteriores.

No Espírito Santo, o candidato do PSB para o governo do Estado do Espírito Santo, o senador Renato Casagrande, promete responder “à altura” caso adversários sejam mais agressivos no debate na TV Gazeta, afiliada da Globo. Já Luiz Paulo Vellozo Lucas (PSDB) diz que vai manter o discurso crítico ao adversário, mas afirma querer cativar os 18% de eleitores que se declararam indecisos nas últimas pesquisas de intenção de voto. “O fato mais importante das pesquisas é que permanece um número imenso de indecisos”, analisou o tucano.

Ausente em dois outros debates – um na TV Jangadeiro e outro na TV União – o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), candidato à reeleição, já confirmou que estará presente no confronto de hoje na TV Verdes Mares, outra afiliada. Também confirmaram presença os demais candidatos a governador com representação no Congresso Nacional: Lúcio Alcântara (PR), Marcos Cals (PSDB), Marcelo Silva (PV) e Soraya Tupinambá (PSOL).

No Maranhão, a governadora do Estado, Roseana Sarney (PMDB), também confirmou anteontem a participação no confronto que será realizado hoje em São Luís, pela TV Mirante. Além dela, estarão presentes todos os seus nomes que disputam o Palácio dos Leões. Com isso, o debate desta terça-feira deve se transformar no primeiro embate direto entre a governadora e os rivais Jackson Lago (PDT), Flávio Dino (PCdoB), Marcos Silva (PSTU) e Saulo Arcangeli (PSOL) desde o início da eleição. “Quanto ao debate, vamos enfrentá-lo falando ao eleitor das nossas propostas”, declarou Roseana.

Em meio às denúncias que marcam a eleição no Tocantins, Carlos Gaguim (PMDB) e Siqueira Campos (PSDB) também devem se enfrentar na TV Anhanguera nesta terça-feira. A suspeita de envolvimento de Gaguim em uma suposta fraude em licitações públicas deve guiar a transmissão. “Estão caluniando, caluniando o povo do Tocantins. Eu conclamo ao meu adversário, não fale mal do Tocantins", afirmou Gaguim, adiantando o tom que deve guiar o debate. Siqueira, por sua vez, tem dito que não vai “permitir que roubem o dinheiro do povo.”

Em Pernambuco, o governador-candidato, Eduardo Campos (PSB), que esteve ausente no último debate promovido pela Rede TV , já confirmou presença neste último embate. Os outros candidatos ao pleito também confirmaram: Edilson Silva (PSOL), Jarbas Vasconcelos (PMDB) e Sérgio Xavier (PV). O debate, transmitido pela Rede Globo Nordeste, será no Chevrollet Hall, em Olinda. O jornalista Francisco José será o mediador.

* Com equipe de correspondentes do iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG