Candidata a governadora do Ceará tem registro negado pelo TRE

Tribunal regional afirma que Maria Natividade não é filiada a partido, mas ela diz que vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral

Lauriberto Braga, iG Ceará |

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Ceará negou hoje o registro da candidatura de Maria Natividade Pinho de Belém Rocha (PCB) ao Governo do Estado. O indeferimento se deu porque não consta na Justiça Eleitoral que Natividade seja filiada ao PCB nem a outro partido.

A candidata disse que vai provar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que é sim filiada ao PCB há mais de dez anos. Segundo os juízes do TRE-CE não há provas no Tribunal que ela tenha filiação partidária a exemplo de sua vice, Violeta Maria de Siqueira Holanda (PCB).

Pela Lei Ficha Limpa (135) já foram negados pedidos de dez candidatos a deputado, sendo quatro para deputado federal (Marcelo Teixeira-PR, Manoel Salviano-PSDB, Eugênio Rabelo-PP e Luiz Menezes-PRB) e seis para deputado estadual (Sineval Roque-PSB, Cirilo Pimenta-PSDB, Carlos Macedo-PSB, José Evangelista Filho-PSB, Eduardo Florentino-PSDC e Perboyre Diógenes-PSL). Todos eles disseram que vão recorrer ao TSE.

    Leia tudo sobre: eleiçõeseleições ceimpugnação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG