Apoiadores do 'Dilmasia' são excluídos de visita de Dilma a Minas

Barrado pelo time de Hélio Costa, grupo articula seu próprio evento com a candidata petista ao Palácio do Planalto em agosto

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

Barrados em um evento oficial da campanha petista marcado para esta terça-feira, em Montes Claros, prefeitos e lideranças políticas de Minas Gerais filiados a partidos que integram a coligação do candidato tucano ao governo, Antonio Anastasia, mas apoiam Dilma Rousseff para a Presidência preparam uma manifestação de apoio à candidata do PT. O ato deve acontecer no início de agosto, em Belo Horizonte.

Eles não foram convidados para o encontro de Dilma com lideranças do Norte de Minas agendado para terça-feira, em Montes Claros, devido à presença do ex-ministro das Comunicações Helio Costa (PMDB), candidato ao governo que conta com o apoio oficial do PT.

“Não vamos amanhã ( terça ) porque não fomos convidados, mas estamos articulando um encontro só com a Dilma para o início de agosto”, disse o prefeito de Salinas, José Prates (PTB), um dos coordenadores do movimento suprapartidário batizado como Dilmasia (junção dos nomes de Dilma e Anastasia).

Segundo Prates, que foi expulso do PT por ter articulado em 2006 o Lulécio, movimento de apoio ao presidente Lula e ao ex-governador de Minas Aécio Neves (PSDB), que disputavam a reeleição, o objetivo do movimento é impedir que a disputa estadual prejudique Dilma.

“A candidatura da Dilma tem, naturalmente, uma faceta pluripartidária muito mais ampla do que as candidaturas ao governo de Minas. Ela não pode deixar estadualizarem a campanha e tem um grupo ligado ao Helio Costa que tenta fazer isso”, disse o prefeito.

O ex-ministro dos Transportes Anderson Adauto (PMDB), prefeito de Uberaba e coordenador da campanha de Costa, não foi encontrado para falar sobre o assunto.

Segundo dirigentes do PT mineiro, os apoiadores do Dilmasia não foram convidados para o encontro em Montes Claros porque se trata de uma agenda com Costa. “Nada impede que a Dilma faça um outro encontro com outras forças políticas em Minas desde que passe ao largo da disputa estadual. Vai ter o momento para isso”, disse um petista.

Antes do encontro com políticos em Montes Claros, Dilma fará uma caminhada pelas ruas centrais de Uberlândia, no Triângulo Mineiro.


    Leia tudo sobre: Dilma RousseffJosé SerraMarina Silva

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG