QG da campanha, ao lado da sede do PT, foi reformado durante o mês passado e data foi escolhida por superstição

Ao lado do vice Michel Temer (PMDB), a presidenciável Dilma Rousseff (PT) lançará nesta terça-feira (13), em Brasília, o comitê político da sua campanha presidencial. O PT espera a presença do presidente Lula para o começo da noite, após o expediente. Será a primeira aparição do presidente ao lado de Dilma desde o início oficial da campanha, na última terça-feira. O presidente, no entanto, não havia confirmado presença até a noite de ontem.

Banner do comitê: Sem Temer, Dilma e Lula estampam faixa
Andréia Sadi, iG Brasília
Banner do comitê: Sem Temer, Dilma e Lula estampam faixa

Localizado no Setor Comercial Sul, mesma região da sede do partido, o QG da campanha foi reformado durante o mês passado e será dividido em três andares - loja no térreo e dois andares inteiros de um prédio comercial - que representam uma área total 1.000 metros quadrados no total.

O prédio terá salas para Dilma, Temer e o presidente do PT e coordenador da campanha, José Eduardo Dutra, que despachará do local a partir de hoje. Também será no comitê que o conselho político da campanha, formado pelos dirigentes dos partidos aliados, se reunirá. Ontem, o conselho estreou o comitê com uma reunião no período da tarde.

No térreo, Dilma e Temer estampam banner de sala do comitê
Andréia Sadi, iG Brasília
No térreo, Dilma e Temer estampam banner de sala do comitê

“Será um espaço aberto a todos que querem ver Dilma a primeira mulher a ocupar a Presidência da República. A inauguração será a partir das 18h, e todos estão convidados”, diz o convite. A data do lançamento do escritório foi escolhida por superstição, já que 13 é o número do PT na urna eletrônica.

A procura pelo escritório começou em março. O PT demorou para fechar negócio porque queria baixar o preço de R$ 42 mil para R$ 30 mil, mas não conseguiu. "A gente conseguiu baratear, mas ficou, se não me engano, em R$36 mil", disse o presidente do PT, José Eduardo Dutra. O gasto com a reforma, no entanto, não foi divulgado.

Fachada do prédio do comitê: ontem, ainda sem painel do PT
Andréia Sadi, iG Brasília
Fachada do prédio do comitê: ontem, ainda sem painel do PT

O PT correu com a reforma do quartel-general . Até ontem, a fachada do Edifcío Vitória ainda estampava o slogan da faculdade de administração que funcionava no local antes do aluguel do PT. Foi só nesta madrugada que os profissionais conseguiram subir o painel de 480 metros quadrados da campanha, que veio de uma gráfica de São Bernardo, em São Paulo.

Na foto, Dilma aparece com Lula e o nome de Temer vem abaixo da dupla.

Estrutura do comitê
O térreo do comitê ficará reservado para recepcionar os eleitores, distribuir o material de campanha além de abrigar a lojinha para vender produtos como bottons e camisetas durante a campanha. Na promoção, o PT anunciou camisetas com logo dos 30 anos do partido a $ 5. Já as bolas de futebol com símbolo do partido tem preço mais salgado: R$ 40. A venda dos bonecos "Lulinha" ainda não foi discutida, segundo o partido.

Vendedora arruma lojinha do PT antes da inauguração do comitê
Andréia Sadi, iG Brasília
Vendedora arruma lojinha do PT antes da inauguração do comitê

No andar do meio, as salas deverão ser ocupadas por representantes de partidos e movimentos sociais. Em cima, o espaço é reservado para Dilma, ao lado da sala do vice.. No mesmo piso será transferida a equipe de comunicação da candidata, comandada pela jornalista Helena Chagas e o coordenador de comunicação da campanha, Rui Falcão. O PT estima que 100 pessoas da campanha passem a trabalhar no comitê.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.