Ana Júlia ganha dois minutos em programa de Jatene

Petista usa direito de resposta no Pará para se defender de acusações no horário eleitoral gratuito na TV

Pollyanna Bastos, iG Pará |

A Justiça Eleitoral do Pará concedeu direito de resposta à governadora e candidata à reeleição Ana Júlia Carepa (PT), para rebater a acusação feita pelo candidato Simão Jatene (PSDB), de que ela teria se recusado a responder uma pergunta sobre saúde durante o primeiro debate do horário eleitoral gratuito na TV.

Jatene usou imagens do debate nas edições de seu programa eleitoral que foram ao ar nos dias 27 e 30 de agosto. O trecho utilizado mostrava a pergunta do tucano sobre os investimentos do governo de Ana Júlia na área de saúde, além dos dados citados por Jatene sobre quanto teriam sido esses investimentos.

No programa do tucano levado ao ar, as imagens foram cortadas antes que Ana Júlia respondesse o questionamento. O Ministério Público Eleitoral deu parecer favorável à Ana Júlia por considerar que a candidata foi indevidamente prejudicada com a supressão das imagens. Ana Júlia tem direito a 2 minutos de resposta.

O direito de resposta será dividido em 1 minuto para cada programa nos programas eleitorais de Jatene do horário eleitoral gratuito na TV. A medida deve ser cumprida no prazo de 36 horas a contar da tarde desta terça-feira (7), quando a Justiça Eleitoral emitiu parecer favorável à candidata petista.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG