Ana Júlia compra 5 mil cestas básicas no Pará

Ministério Público Federal vai investigar a possibilidade de crime eleitoral

Pollyanna Bastos, iG Pará |

A candidata à reeleição ao governo do Pará, Ana Júlia Carepa (PT), assinou contrato de R$ 197 mil para a compra de 5 mil cestas básicas. A notícia foi publicada na edição de quarta-feira (18) do Diário Oficial, mas, como o texto não informa a destinação das cestas, o Ministério Público Federal (MPF) vai investigar se houve crime eleitoral por uso da máquina do Estado.

A informação é do procurador regional eleitoral, Daniel Avelino. A distribuição de cestas básicas pelos governos em período eleitoral só é permitida diante de situações de emergência ou quando fazem parte de um programa planejado com antecedência. Ana Júlia desmentiu o uso da máquina pública na campanha, por meio de assessores.

Eles alegam que as cestas, adquiridas através da Ação Social Integrada do Governo, fazem parte de rotina anual para atender pessoas de baixa renda, mas que são distribuídas apenas em casos de emergência, como um incêndio ou desastres naturais. Caso o MPF comprove a prática de crime eleitoral, Ana Júlia pode ter candidatura cassada.

No ano passado, o prefeito de Belém, Duciomar Costa (PTB), foi afastado do cargo por uso de dinheiro público na campanha de reeleição em 2008. Duciomar passou alguns dias afastado do cargo, mas reassumiu através de liminar da justiça, até que o processo seja julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral. Duciomar é da base aliada de Ana Júlia,

    Leia tudo sobre: eleições paana júlia-pacesta básicampf-pa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG