Alvaro não confirma indicação como vice de Serra

Notícia alterou articulações políticas no Paraná; com Alvaro na chapa tucana, Osmar Dias não sai candidato ao governo

Francisco Camargo, iG Paraná |

O senador Alvaro Dias (PSDB) não confirmou, na tarde de hoje, a notícia de que já estava acertada a sua escolha como o vice de José Serra. Antes de embarcar em São Paulo, para Cuiabá, disse que não tinha tempo para comentar a informação, que partiu do deputado Roberto Jefferson, presidente do PTB, citando como fonte o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra.  “Estamos consultando líderes e presidentes de partidos aliados para decidir nosso candidato a vice-presidente”, escreveu Guerra no Twitter.

José Serra também não confirmou a informação, limitando-se a dizer que Alvaro "é um bom nome, sem dúvida". A questão está sendo encaminhada pelo presidente do partido, “e ele fala sobre o assunto. Eu não vou falar nada porque tudo o que eu digo pode dar outras interpretações”, esquivou-se.

De qualquer modo, a notícia alterou as articulações políticas para a eleição no Paraná, já que, com Alvaro na chapa de Serra, o senador Osmar Dias (PDT) não sairá candidato a governador. Como já alegou anteriormente, não seria correto “irmão enfrentar irmão” nas eleições de outubro. O PDT de Dias integra a coligação que apoiará a candidata do PT, Dilma Rousseff.

Aliança e campanha

O PTB nacional oficializou no dia 18 a coligação com o PSDB para a eleição, aprovando, por unanimidade, apoio formal ao presidenciável José Serra. Na quarta-feira passada, Serra afirmou que o nome do candidato a vice na chapa tucana seria divulgado até o próximo domingo.

A importância da candidatura de Beto Richa para a campanha de Serra foi elogiada hoje pelo presidente nacional do PSDB. Para o senador Sérgio Guerra, “o Paraná tem uma importância estratégica na eleição presidencial”. Richa é um candidato afinado com Serra e com a direção nacional do partido, disse Guerra. “Não apenas pela identidade política e ideológica, mas também pela amizade pessoal que nos une a Beto Richa”, e lembrou que o ex-governador José Richa, pai de Beto, foi um dos fundadores do PSDB, juntamente com Franco Montoro, Mário Covas e outras lideranças.

    Leia tudo sobre: alvaro diasosmar diasjosé serrapsdbpdt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG