Alckmin anuncia programa de habitação para baixa renda

Tucano quer 'transformar CDHU em um BNDES' e nega semelhança com programa federal

Piero Locatelli, iG São Paulo |

No primeiro dia oficial de campanha, o candidato ao governo de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), anunciou o lançamento de um programa de financiamento de imóveis voltado à população de baixa renda. A ideia, segundo Alckmin, é ‘ao avançar na iniciativa privada’ oferecer subsídio para quem ganha até três salários mínimos. Em suma, um programa aos moldes do ‘Minha Casa Minha Vida’, lançado em março de 2009 pelo Governo Federal.

Ressaltando que o Governo do Estado de São Paulo construiu por volta de 100 mil casas nos últimos quatro anos, Alckmin afirmou que ‘pretende transformar o CDHU no BNDES da habitação’. Questionado sobre a semelhança com o programa do Governo Federal, Alckmin não quis responder.

Início de campanha
O candidato tucano iniciou nesta terça-feira (6) sua campanha oficial em uma caminhada pelo centro de Campinas (SP), acompanhado pelos seus companheiros de chapa.

Com um tom ameno ele não quis responder às críticas feitas pelo candidato ao governo do Estado pelo PT, Aloizio Mercadante, aos preços do pedágio. “Eu não vou perder tempo com esse tipo de coisa. O programa de concessão de rodovias de São Paulo é extremamente bem sucedido”, afirmou Alckmin.

O tucano também negou que prefeitos da região filiados ao PSDB tenham declarado apoio à candidatura da candidata petista à sucessão presidencial Dilma Rousseff no plano nacional.

    Leia tudo sobre: Geraldo AlckminPSDBcampanha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG