Por 3 minutos, candidata de Medicina perde a prova da Unicamp

Estudante chegou após o fechamento dos portões em São Paulo. Outro candidato confundiu o horário e se atrasou em 25 minutos

Bruna Carvalho, iG São Paulo |

Uma candidata ao curso de Medicina da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) perdeu o vestibular neste domingo por três minutos. Rebeca Victor Anzae, 18 anos, saiu de Suzano na Grande São Paulo para prestar prova na Unip da Água Branca, em São Paulo, e encontrou os portões fechados.

Leia também:  Proibição de celulares surpreende no vestibular Unicamp 2012

“Não deu tempo, sai de casa antes do meio-dia, mas estava com muito trânsito”, disse a estudante, que chegou ao local de prova às 13h03. Rebeca ficou bastante chateada e agora aposta no vestibular da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Menos preocupado estava Fabricio Seiti, 17 anos, que chegou 25 minutos atrasado para o vestibular Unicamp 2012. Ele achou que a prova começaria às 14h, mas o horário era às 13h. “O site da Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp) estava fora do ar e não consegui confirmar o horário”, contou.

Fabrício estava inscrito para Engenharia Civil na Unicamp, mas mudou de ideia ao logo do ano e agora quer prestar para Medicina. Por isso, ter perdido o vestibular não será um grande problema.

Várias candidatos chegaram em cima da hora na Unip. Pais, ambulantes e seguranças ajudaram os estudantes, sinalizando que em instantes o portão fecharia.

A filha do carteiro Reginaldo Rodrigues Nunes, de 46 anos, foi uma das últimas a chegar. Jade Caroline, de 17 anos, entrou correndo e não viu os avisos sobre a proibição do porte de celulares . No entanto conseguiu voltar a tempo e devolveu o parelho para o pai.

    Leia tudo sobre: Unicampvestibular 2012 Unicamp

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG