Veja Saturno antes que seus anéis desapareçam

De todos os planetas do Sistema Solar, Saturno é o que mais impressiona pela beleza de seus anéis. No entanto, alguma coisa muito estranha está acontecendo no espaço e os magníficos anéis parecem estar desaparecendo. Se você nunca viu Saturno e seu esplendoroso sistema de anéis a hora é agora, porque em setembro eles simplesmente desaparecerão completamente. O que está acontecendo?

Apolo11 |

Para falar a verdade, não está acontecendo nada. Antes que os mais afoitos pensem que um choque cósmico está pulverizando o gigante gasoso e destruindo seus anéis, é importante dizer que esse "sumiço" não passa de uma ilusão de ótica causada pela inclinação do planeta em relação à Terra.

Entendendo

Saturno completa uma volta ao redor do Sol a cada 30 anos e periodicamente aponta a borda dos seus anéis para a Terra. Isso acontece sempre a cada 14 e 15 anos e neste momento está começando a acontecer novamente.

A cada volta que Saturno dá ao redor do Sol nosso planeta se aproxima duas vezes do plano dos seus anéis. À medida que os planetas se movem, o ângulo de visão de um observador na Terra vai diminuindo, dando a impressão que os anéis estão cada vez mais finos. Durante a mínima inclinação os anéis serão vistos a partir de sua borda e parecerão com um traço escuro dividindo o planeta em dois hemisférios.

Efemérides

Entre os dias 10 e 20 de maio o sistema de anéis terá a maior inclinação prevista para o ano de 2009, com aproximadamente 5 graus da sua face sul visível. Com o passar dos dias o brilhante disco irá progressivamente desaparecer.

No dia 10 de agosto, os anéis cada vez menos inclinados estarão praticamente invisíveis, uma vez que o Sol passará a iluminar a face norte dos anéis. Sem luz para iluminar a face sul - aquela que ainda está voltada para a Terra - será impossível vê-lo exceto através de grandes telescópios.

Finalmente, no dia 4 de setembro a borda do disco anelar estará completamente voltadas para a Terra, transformado-se em uma tênue linha escura cruzando a face planetária. Infelizmente, neste dia o planeta estará visualmente colado ao Sol, o que impedirá a observação do fenômeno. Com o passar dos dias o ângulo de visão vai novamente aumentado, fazendo com que os anéis sejam novamente observáveis. O próximo alinhamento Terra-borda dos anéis ocorrerá somente em 2038.

Vendo Saturno

Atualmente Saturno pode ser encontrado após o pôr-do-Sol à meia altura do quadrante noroeste até aproximadamente meia-noite, quando se põe no lado oeste. O planeta é bastante brilhante e sua magnitude de 1.07 é mais que suficiente para que possa ser visto com facilidade mesmo à vista desarmada. Para ver os anéis é necessário o uso de uma pequena luneta ou telescópio, que mostrará a face sul dos anéis ainda iluminada pelo Sol.

Atualmente o planeta está a cerca de 1.34 bilhões de quilômetros e em setembro estará mais longe ainda, a 1.56 bilhões de quilômetros. Portanto, se quiser ver os anéis de Saturno o momento é agora. Pegue seu telescópio, aponte para o gigante gasoso e veja os anéis. Depois conte sua experiência para seus amigos e parentes e observe a reação deles. Talvez eles finjam que entenderam!

Artes: Mosaico criado pelo astrônomo Efrain Morales, de Aguadilla, Porto Rico, ajuda a entender a inclinação de Saturno. As fotos foram feitas com um telescópio de 12 polegadas e mostram a mudança da geometria dos anéis ao longo dos últimos anos. Acima, carta celeste mostra a posição do astro às 22h00 do dia 12 de maio de 2008. Créditos: Efrain Morales Rivera/Apolo11.

Leia mais sobre: Saturno

    Leia tudo sobre: apolo 11saturno

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG