Universidades ganham mais prazo para aderir ao Fies

Ministério da Educação prorrogou data para adesão das mantenedoras ao financimento estudantil para 31 de março de 2011

iG Brasília |

O Ministério da Educação decidiu ampliar o prazo para que as mantenedoras de instituições privadas de ensino interessadas em participar do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) assinem os contratos de adesão ao programa. Elas ganharão três meses para preencher os formulários. O prazo, que acabou neste domingo, se estenderá até 31 de março de 2011.

O procedimento de adesão (e renovação) é essencial para garantir a oferta de vagas a estudantes que queiram financiar cursos de graduação no próximo ano. O novo prazo vale para as mantenedoras que desejam renovar contratos ou assiná-los pela primeira vez. As entidades que mantém o funcionamento das faculdades que quiserem desligar-se do programa poderão fazê-lo a partir de 1º de janeiro.

As informações e os formulários para preenchimento estão disponíveis em site do Ministério da Educação, o Sistema Informatizado do Fies (SisFies). As instituições precisam colocar no sistema, por exemplo, o balanço patrimonial, o demonstrativo de resultado do exercício e os termos de constituição da Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA), órgão responsável em cada instituição de ensino pela validação das informações dadas pelo estudante durante inscrição no Fies.

Alterações

Criado em 1999, o programa de financiamento estudantil do governo federal passou por mudanças desde janeiro deste ano. Os contratos anteriores a 2010 podem ser, inclusive, renegociados de acordo com as novas regras, que reduziram as taxas de juros, ampliaram o prazo para quitação da dívida e o prazo de carência para início do pagamento após a formatura e ainda eliminou a figura do fiador.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG