Universidades estaduais de SP formam comissão para avaliar unificação do vestibular

SÃO PAULO ¿ As três universidades estaduais de São Paulo vão formar uma comissão para avaliar a possibilidade de unificação de seus vestibulares. A decisão foi tomara na tarde de quarta-feira, em reunião realizada com o deputado Edson Giriboni, autor do Projeto de Lei que prevê uma prova única para a Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual Paulista (Unesp) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Carolina Rocha, iG São Paulo |

Segundo o deputado, ficou acertado que, num prazo de 60 dias, os reitores das universidades apresentarão uma proposta sobre a viabilidade da unificação, que envolve mudança no perfil das provas, na logística, entre outros detalhes práticos. Cada universidade tem suas particularidades, estrutura própria, eles já fazem seus vestibulares há muito tempo e os reitores pediram esse prazo para estudar como isso poderia ser feito, explica Giriboni.

Os vestibulares das universidades paulistas estão entre os maiores do País. Apenas o vestibular da Fuvest, que seleciona os candidatos para a USP, costuma receber mais de 100 mil inscrições por ano. A Unicamp recebeu no último ano cerca de 50 mil inscrições e a Unesp teve 76 mil inscritos.

O projeto de lei, segundo o deputado, já passou por todas as comissões e agora está pronto para ser votado. A idéia da criação dele foi baseada em pedidos de estudantes que reclamam de ter de pagar uma taxa de inscrição para cada um dos vestibulares, além de terem de se locomover para fazer as provas.

    Leia tudo sobre: fuvestunespunicampuspvestibular

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG