Unifesp fecha acordo para expandir campus em SP

Universidade vai ampliar sua atuação na capital a partir de imóveis cedidos pela Prefeitura

iG São Paulo |

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) assinou um protocolo de cooperação com a Prefeitura da capital paulista e com a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM) para a instalação de um bairro universitário na Vila Clementino, zona Sul da cidade.

Com o projeto, a Unifesp expandirá suas instalações e os serviços de pesquisa e de atendimento ao público na área da saúde. A universidade ainda conta com o projeto de verticalização do campus São Paulo, que também envolve a ampliação das instalações.

Por meio de convênios, a Unifesp procura utilizar imóveis desocupados da região. A Prefeitura de São Paulo já formalizou a cessão do antigo Clube Adamus, atual Clube-Escola, e há estudos para a inclusão do Clube Rubi, que deverá se tornar a sede da Universidade Aberta à Terceira Idade (UATI).

A sede da reitoria e dos departamentos administrativos ficará no antigo prédio da empresa Honda, localizado na Av. Sena Madureira. Além dos projetos de verticalização e do bairro universitário, a Unifesp tem projetos para a construção do Hospital de Catástrofes, primeiro do gênero no país, e de um novo campus na Zona Leste de São Paulo.

* com informações da Agência Fapesp

    Leia tudo sobre: Unifesp

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG