Sinopse de imprensa - Curso a distância para docente cresce 270%

Enquanto as matrículas em cursos presenciais para formação de professores para educação básica estão quase estagnadas, a modalidade a distância vive uma explosão: em cinco anos, foram 270% de aumento. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Redação |

Segundo a publicação, no mesmo período, as matrículas presenciais (em licenciaturas, normal superior e pedagogia) cresceram apenas 17%. A modalidade em que os alunos não vão todos os dias às faculdades tem sido uma opção para combater o déficit de professores na educação básica do país.

De acordo com o Ministério da Educação, faltam 246 mil docentes no país; 300 mil não são formados na área de atuação.

Os dados foram tabulados com base no Censo da Educação Superior por Jaime Giolo, ex-diretor do Inep (instituto de estudos do MEC) e docente da Universidade de Passo Fundo (RS) -2006 é o último ano com informações disponíveis.

Leia mais sobre: educação

    Leia tudo sobre: educação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG