Provas para jovens e adultos serão realizadas domingo

Candidatos que não frequentaram escolas na idade apropriada podem prestar o Encceja para obter diploma do ensino fundamental

iG São Paulo |

As provas do Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos (Encceja) serão aplicadas no próximo domingo, 20 de março, em 837 escolas espalhadas por todo o país. O exame tem como objetivo avaliar jovens e adultos que não frequentaram escolas regulares na idade apropriada e pleiteiam um diploma do ensino fundamental a partir do resultado nas provas.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) enviou, via correios, o cartão de confirmação de inscrição para os 142.545 inscritos, mas os participantes podem consultar na internet o local onde farão a prova , desde que tenham em mãos o número do CPF.

As provas serão aplicadas pela manhã e à tarde. No período matutino – das 8h30 às 12h30 –, serão feitas provas de história, geografia e ciências naturais. À tarde, os participantes prestam testes de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física, redação e matemática, das 14h30 às 19h30. Cada prova terá 30 itens de múltipla escolha e mais um tema proposto para a redação.

Os portões para o exame serão abertos às 7h e fechados cinco minutos antes do início do teste. À tarde, as escolas abrirão entre 13h e 14h25. Os candidatos devem levar um documento de identificação com foto, o CPF, o cartão de confirmação de inscrição e uma caneta esferográfica transparente de tinta preta. Não será permitida a entrada com aparelhos eletrônicos, relógio, material de estudo, lápis, borracha, apontador, grafite, calculadoras, conforme edital do exame.

O Encceja é uma oportunidade para jovens e adultos com mais de 15 anos concluírem os estudos. Se atingirem a pontuação mínima exigida, 100 pontos em cada uma das provas escolhidas, receberão certificado do ensino fundamental emitido pela Secretaria de Educação do Estado ou do município do candidato.

    Leia tudo sobre: enccejaexameensino-fundamentaldiplomaeducação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG