Professores de SP podem pedir transferência

Inscrições para mudança de escola na rede estadual podem ser feitas até o próximo domingo

iG São Paulo |

Os professores da rede estadual de ensino de São Paulo que tiverem interesse em mudar de escola no próximo têm até o próximo domingo para se inscrever no concurso de remoção da Secretaria de Educação.

Pela primeira vez os professores poderão indicar a escolas para onde querem ser transferidos. As indicações são feitas no ato do cadastro e o candidato que não indicar nenhuma escola não terá a inscrição efetuada.

As inscrições devem ser feitas pela internet até as 23h59 do dia 6 de junho, no site da Secretaria de Educação . O período de cadastro, que normalmente acontece em agosto, foi antecipado neste ano para ofertar as vagas remanescentes aos candidatos aprovados no concurso de PEB II (Professor de Educação Básica 2), que ingressarão na rede a partir de 2011.

Mesmo efetuando a inscrição pela internet, o professor deverá apresentar ao diretor da escola em que atua toda a documentação comprobatória dos títulos (doutorado, mestrado, especialização ou aperfeiçoamento) para a classificação e dos documentos relacionados para a comprovação da inscrição por união de cônjuge (certidão de casamento e atestado do cônjuge).

O professor que não estiver com jornada constituída (adido), que estiver com jornada parcialmente constituída ou aquele que constitui jornada em mais de uma unidade escolar poderá inscrever-se no concurso na modalidade remoção/reserva. Assim, se o professor, concorrendo entre seus pares, não for atendido na remoção, poderá, se houver, ter aulas reservadas na escola na qual tem o cargo classificado.

Não poderá participar do concurso, o docente que estiver na condição de readaptado. Também será eliminado aquele que optar pela remoção por união de cônjuges, mas que tenha sido transferido nesta modalidade há menos de cinco anos, exceto se o seu cônjuge foi removido "ex ofício" (transferência obrigatória) ou vier a prover novo cargo em outro município, apresentando o comprovante ao seu superior imediato.

Nesta edição do concurso, uma vez inscrito no processo, o candidato não mais poderá desistir da mudança de escola nem alterar, incluir ou excluir unidades escolares que vier a indicar para a remoção.

Apenas a inscrição e a indicação de vagas estão sendo antecipadas. A conclusão do concurso de remoção está prevista para dezembro e os professores somente assumirão a nova escola no próximo ano.

    Leia tudo sobre: concursoprofessorrede estadual

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG