Por segundos, candidata não perde a prova da Unicamp

Estudante chegou ao local dois minutos após horário limite, mas conseguiu entrar. Neste ano, ela perdeu a prova do Enem por atraso

Marina Morena Costa, iG São Paulo |

Flávio Torres
Melissa chega correndo à PUC-SP, para prestar o vestibular Unicamp
Melissa Caroline de Oliveira chegou à PUC-SP às 13h02. Dois minutos após o horário oficial de fechamento dos portões dos locais de prova do vestibular 2011 da Universidade de Campinas (Unicamp). Como a entrada da PUC-SP fica em um local alto, os fiscais a viram correndo e esperaram a estudante entrar.

Ao final da prova, Melissa conta que a correria valeu a pena. “O ônibus que eu peguei fez um caminho diferente. Tive que descer e correr umas quatro quadras”, conta a estudante que quer fazer faculdade de matemática. Melissa relata que demorou uns minutos até conseguir recuperar o fôlego e se concentrar para a prova. “Estava difícil, estou bem cansada.”

No começo do mês, Melissa perdeu a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Também por atraso e também por problemas no transporte público, segundo relata. “Eu estava em Caieiras e vim de trem para São Paulo, mas o trem ficou 40 minutos parado no meio da linha e aí não teve como chegar a tempo”, lamenta.

Flávio Torres
Ao final da prova, "valeu a pena a correria", diz Melissa

    Leia tudo sobre: VestibularUnicamp

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG