Mochila pesada prejudica postura de 30% das crianças, diz estudo

Pesquisa feita em Sergipe com estudantes entre 9 e 12 anos aponta excesso de peso em 70% das mochilas. Veja se você carrega o peso ideal

iG São Paulo |

Um estudo feito pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT-Sergipe) em parceria com a Liga de Trauma da Universidade Federal de Sergipe (UFS) pesquisou o peso das mochilas e seus impactos em 40 crianças com idades entre 9 e 12 anos, de escolas públicas e particulares. Trinta por cento dos estudantes apresentaram variações posturais importantes e 77,5% se queixaram de dor nas costas.

Os pesquisadores concluíram que a maioria dos alunos, cerca de 80%, carrega as mochilas de forma correta. Mas o peso transportado está acima do ideal. “O problema está no peso excessivo do acessório, superior aos 10% do peso da própria criança”, afirma Luiz Carlos Lopes, médico da SBOT e um dos pesquisadores responsáveis pelo estudo.

Os pesquisadores avaliaram a massa corporal e a estatura dos alunos, a presença de alterações posturais, o peso carregado, modelos e modos de transporte das mochilas. “Setenta por cento das mochilas estavam acima do peso recomendado”, destaca Lopes.

De acordo com pesquisas e especialistas em postura, o ideal é que os estudantes (crianças e adolescentes) carreguem até 10% do próprio peso na mochila. Além disso, as tiras devem ser tensionadas para que a mochila fique bem junto ao corpo, e cinco centímetros acima da linha da cintura. Jamais carregue sua mochila com apenas uma das alças no ombro, pois isso pode provocar escoliose.

Veja no infográfico abaixo se sua mochila está adequada :

    Leia tudo sobre: mochilaspeso ideal da mochilaestudantes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG