MEC inicia seleção de novos livros de literatura

Creche, pré-escola e ensino fundamental da rede pública receberão as obras

Agência Brasil |

Editores de todo o País podem a partir desta segunda-feira (10) se cadastrem para inscrever novos livros de literatura infantojuvenil para o Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE), do Ministério da Educação (MEC). Os livros escolhidos serão enviados a creches, pré-escolas e escolas do ensino fundamental da rede pública.

O prazo de cadastramento vai até o dia 23 de janeiro. A inscrição inicia o processo de seleção a cargo do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A inscrição das obras literárias das editoras, envio de exemplares e da documentação deverá ser feita entre 31 e 4 de fevereiro.

O MEC escolherá livros de poemas, contos, crônicas, romances, novelas, peças de teatro, textos da tradição popular, biografias, além de obras clássicas da literatura universal, livros de imagens e até histórias em quadrinhos.

Segundo nota do ministério, serão aceitos livros que não tenham sido adquiridos em seleções anteriores do PNBE. O FNDE também escolherá, além dos livros impressos, livros em formatos especiais para estudantes com deficiências: obras com caracteres ampliados, com áudio (em CD ou DVD na linguagem brasileira de sinais). Os livros também estarão disponíveis em formato digital na página eletrônica do Ministério da Educação. Todas as obras deverão ser escritas conforme o novo acordo ortográfico da língua portuguesa.

Cada obra deve ser inscrita em apenas uma das quatro categorias previstas em edital:

categoria 1 - instituições de educação infantil, etapa creche
categoria 2 - instituições de educação infantil, etapa pré-escola
categoria 3 - instituições que atendam alunos dos anos iniciais do ensino fundamental categoria 4 - instituições que atendam alunos da educação de jovens e adultos, etapas ensino fundamental e médio.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG