MEC aplicará Prova Brasil em salas com menos de 20 alunos

Edição especial da avaliação será para turmas de no mínimo 10 estudantes. Prova é usada para calcular o Ideb

iG São Paulo |

O Ministério da Educação (MEC) irá aplicar uma edição especial da Prova Brasil 2011 em municípios que não têm a quantidade mínima de 20 estudantes matriculados no 5° ano do ensino fundamental. O mínimo para a participação nesta edição será de 10 alunos. 

A edição especial é uma parceria do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e municípios e foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira. A medida visa dar subsídio às escolas municipais para que elas tenham o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), calculado a partir do desempenho dos alunos na Prova Brasil e base para a definição de metas e políticas públicas.

Para aderir à edição especial da Prova Brasil 2011, os municípios devem se comprometer a reunir todos os estudantes matriculados no 5º ano do ensino fundamental de turmas regulares em um único local, data e turno para a realização das provas. Escolas urbanas e rurais podem participar.

As provas serão realizadas no período de 7 a 18 de novembro de 2011.

* Atualizada em 10 de novembro para correção do critério de participação. O MEC aplicará a prova para munícipios com no mínimo 10 alunos matriculados no 5° ano do ensino fundamental, não para escolas

    Leia tudo sobre: Prova BrasilIdeb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG