Investimentos em educação vão transformar Brasil em potência econômica, diz Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta segunda-feira que o Brasil está precisando de ¿uma cara nova¿ por meio de investimentos em educação. Para ele, com esse incremento financeiro no setor o País terá as mudanças necessárias para se tornar uma potência econômica.

iG São Paulo |

No programa semanal "Café com o Presidente", Lula ressaltou a inauguração de 78 escolas técnicas na semana passada. Ele voltou a afirmar que, até o final do ano, um total de 354 unidades serão entregues ¿ até o momento, são 141.

Ainda é pouco diante das necessidades que o Brasil tem de investimento na educação ¿ sobretudo no ensino médio. Eu penso que isso vai dar um avanço extraordinário na formação da nossa juventude, disse, ao destacar a previsão de 500 mil jovens matriculados em escolas técnicas até dezembro.

Fábrica de chips

Lula afirmou que a inauguração da primeira fábrica brasileira de chips em Porto Alegre (RS) na semana passada é um divisor na história da inovação tecnológica do País. A produção de chips ocorre no Centro Nacional em Tecnologia Eletrônica Avançada (Ceitec), único fabricante na América Latina.

Seundo Lula, o Ministério de Ciência e Tecnologia investiu R$ 400 milhões no local que, por enquanto, produz chips para o rastreamento de rebanhos bovinos. O presidente destacou ainda que, por meio da fábrica, o Brasil mostra ao mundo sua capacidade de competir internacionalmente no setor.

A coisa mais extraordinária é que, em 60 dias, nós conseguimos trazer de volta para o Brasil praticamente 100 engenheiros para trabalhar nessa fábrica ¿ pessoas que são altamente qualificadas e que estavam, por falta de oportunidades, trabalhando no exterior, disse. É isso que vai dar ao Brasil a dimensão de uma grande nação. O Ceitec é apenas o começo de uma caminhada do Brasil para um futuro muito promissor, completou.

    Leia tudo sobre: lula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG