Tradicional competição de escolas públicas dá medalhas e bolsas de estudo

Termina nesta sexta-feira o prazo para as escolas inscreverem os alunos na 8ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep 2012). O evento é destinado a alunos do ensino médio e do 6º ao 9º ano do ensino fundamental que estejam matriculados em redes municipais, estaduais ou federais.

Confira o resultado da Obmep 2011: medalhistas em cada Estado

Cinthia Rodrigues/iG
Professora de Uberlândia foi premiada em todas as edições da Obmep
A competição estimula o gosto pela matemática. Na primeira fase, que acontece dia 5 de junho, os alunos são testados com 20 questões de múltipla escolha, aplicadas na própria escola. As correções são feitas pelos professores com base nas instruções e gabaritos elaborados pela OBMEP. A segunda fase é feita de seis a oito questões discursivas em locais indicados pela organização e acontece no dia 15 de setembro. No ano passado mais de 40 mil escolas aderiram à competição, somando mais de 18 milhões de alunos inscritos.

A Obmep premia alunos, professores, escolas e secretarias de educação. O resultado da 8ª edição será divulgado no dia 30 de novembro. Serão concedidas aos alunos 500 medalhas de ouro, 900 de prata e 3.100 de bronze, além de certificados de menção honrosa. Os professores e as escolas serão premiados de acordo com o desempenho e seus alunos e as secretarias de acordo com o desempenho das escolas da sua região.

Os alunos medalhistas também terão a oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC-Obmep), que dá direito a uma bolsa do CNPq. Em 2012 o números de bolsas oferecidas saltou de 3200 para 4500. Há também o Programa de Iniciação Científica e de Mestrado (PICME), oferecido por diversas instituições de ensino superior.

Informações e regulamento estão disponíveis no site www.obmep.org.br

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.