Guia de profissões

Saiba tudo sobre 100 cursos e carreiras

Todas as profissões

Agronomia

Profissões relacionadas ao curso: Administrador rural, engenheiro agrônomo, engenheiro rural, gestor ambiental, produtor de alimentos, paisagista, silvicultor, zootecnista .

1. Sobre o curso

Engenheiro agrônomo


A atividade deste profissional se centra no manejo sustentável dos recursos naturais visando à produção agropecuária. Na prática isso se traduz no desenvolvimento de projetos para a produção, transformação, conservação e comercialização de produtos agropecuários. Também atua na organização da produção e de propriedades rurais, otimizando as tecnologias produtivas. Pode atuar como pesquisador e na elaboração de estudos de análise técnico-econômica e políticas setoriais.

Principais áreas de atuação


- Administração de propriedades rurais
- Defesa sanitária
- Desenvolvimento rural em órgãos públicos
- Padronização e classificação dos produtos agrícolas
- Promoção de rastreabilidade, certificação de alimentos, fibras e biocombustíveis
- Indústrias de alimentos e insumos agrícolas
- Empresas de gestão ambiental e agronegócio
- Controle de pragas e vetores em ambientes urbanos e rurais, no setor público ou privado
- Manejo de solos
- Fitotecnia <balão>técnica de cultivo e reprodução de vegetais<balão>
- Laboratórios de pesquisa científica e tecnológica
- Melhoramento vegetal e animal
- Consultoria

Topo

2. Ensino

Número de faculdades 227
Melhores cursos Universidade Federal Do Espírito Santo, Universidade Federal De Santa Maria, Universidade Federal Do Rio Grande Do Sul
Vagas disponíveis por ano 17.270
Duração do curso 5 anos
Candidatos 72.311
Candidatos/vaga 4,18
Formandos por ano 6.781
Topo

3. Estágio

Estágio obrigatório?   


Sim

Quem recruta estagiários 


O recrutamento de estagiários é feito tanto pelos professores do curso como por empresas ou instituições que oferecem as vagas de estágio.

Melhor época do ano para procurar estágio   


Não existe regra. Os estágios na área de produção de grãos, por exemplo, se darão preferencialmente na época das chuvas (de outubro a março). Porém, em laboratórios podem ocorrer em qualquer época do ano.

Momento ideal para iniciar estágio 


Não existe uma regra para o momento ideal de iniciar o estágio. Algumas áreas exigem que o aluno já tenha cursado as disciplinas básicas do curso e, por isso, só aceitam estagiários a partir do terceiro ano. Outras disponibilizam vagas de estágio desde o início da graduação.


Atividades do estágio   


São bastante variadas. Elas podem compreender atividades práticas no campo (preparo de solo, semeadura, colheita), em laboratório (análises químicas, físicas, biológicas etc.) ou em escritórios (administração).
Topo

4. Mercado

Profissionais no mercado  


85.740

Exigências para atuar na profissão


- Ser graduado em Agronomia.
- Estar registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea).

Regulamentação   


Lei nº 5.194, de 24 de dezembro de 1966 (2).

Ganho inicial (média mensal)    


R$ 4 mil

Ganho escalão intermediário (média mensal)   


R$ 8 mil

Ganho no auge (média mensal)   


Acima de R$ 12 mil


Atividades do início de carreira


Assim como em outras profissões, no início de carreira o agrônomo geralmente participa de equipes de trabalho com profissionais mais experientes para adquirir a vivência necessária para seu desenvolvimento. Podem ser atividades no campo, como preparo de solo, semeadura, entre outros, ou análises químicas e biológicas desses materiais.


Evolução da profissão


Depende da área de atuação. Por exemplo, em uma cooperativa, o profissional inicia com as atividades mais operacionais. Conforme for ganhando experiência, poderá assumir funções administrativas até chegar aos cargos de gerência e direção. Para tanto, é imprescindível que tenha conhecimento de todos os processos ali realizados.

Auge da carreira 


Cerca de 18 anos após a formatura.

Dicas


- É fundamental continuar a formação por meio de cursos de especialização e pós-graduação, que são diferenciais no currículo do profissional.
- O profissional deve dedicar-se sempre à leitura e à pesquisa para se manter atualizado a respeito das novas tecnologias e avanços no setor.

Uma história de sucesso


"Para minha carreira foi muito importante ter feito ótimos cursos de graduação e pós-graduação. Eles me capacitaram plenamente a exercer o cargo de professor universitário, atuando no ensino, na pesquisa e na extensão".

"A realização de estágios desde o início da graduação ajudou a me aproximar da parte prática do exercício da profissão".

"A experiência de estudar fora da cidade em que nasci e vivi com minha família também foi essencial para minha completa formação, tendo me proporcionado a experiência necessária para assumir a responsabilidade de conduzir minha vivência universitária de maneira totalmente independente".

Antonio Augusto Domingues Coelho, professor do Departamento de Genética da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz" (Esalq) da Universidade de São Paulo (USP)

Topo
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)/Ministério da Educação (MEC), dados de 2010; Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), dados de 2010. ;

Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia  (Confea).




Especialistas entrevistados para compor o perfil da profissão:

Antonio Augusto Domingos Coelho, coordenador do curso de Engenharia Agronômica da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da Universidade de São Paulo (USP); Nelson de Oliveira Matheus, diretor do Jornal do Engenheiro Agrônomo, da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Estado de São Paulo (Aeasp).

Topo