Futuro na educação depende de investimentos imediatos, diz Lula

Em inauguração de federais no Rio Grande do Sul, presidente defendeu que recursos para a área deixem de ser vistos como gastos

Agência Brasil |

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira, em discurso durante cerimônia em Santa Maria (RS), que, para alcançar resultados no futuro, é preciso investir hoje na educação. Ele se referia à decisão de substituir a palavra "gasto" por "investimento" ao tratar de recursos aplicados na área educacional.

“Todo mundo sabe que, para colher no futuro, é preciso investir hoje e, às vezes, e preciso fazer algumas dívidas para ter retorno amanhã, depois de amanhã”, disse o presidente.

Lula disse ainda que seu governo mudou o costume que havia de só se falar em ajuste fiscal o que, segundo ele, significa redução de salários. “Mudamos duas décadas em que no Brasil só se pensava em ajuste fiscal, e ajuste fiscal significa aumentar imposto e reduzir salário”.

O presidente lembrou críticas sofridas por receber dirigentes da União Nacional dos Estudantes (UNE) e liberar recursos para a reconstrução da sede da entidade. "É falta de inteligência política”, disse.

“Quando uma pessoa qualquer, por falta de inteligência política, diz que o governo cooptou a UNE, na verdade foram eles que cooptaram o governo para fazer aquilo que tinha que ser feito como pagamento de dívidas aos estudantes brasileiros”, afirmou.

Em Santa Maria, o presidente participou de cerimônia simultânea de inauguração de obras em sete campi de quatro universidades federais do Rio Grande do Sul.

    Leia tudo sobre: educaçãoensino superiorlula

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG