Falha no LHC adia novos testes para 2009

Más notícias para a comunidade científica. Ao meio dia do último dia 19, ocorreu um incidente no tão alardeado e temido acelerador de partículas Large Hadron Collider (LHC) e as próximas experiências serão adiadas para o ano que vem, segundo comunicado da Organização Europeia para Pesquisas Nucleares (Cern).

Redação |

Acordo Ortográfico

Os testes estavam sendo efetuados sem o feixe de energia e, uma análise preliminar feita pelos cientistas aponta que ocorreu uma falha de conexão elétrica entre dois grandes ímãs do acelerador, que derreteu com a alta corrente e provocou o problema mecânico. O incidente resultou num vazamento de hélio no túnel.

A falha adia os próximos passos do projeto para o segundo trimestre de 2009.

A Cern conduzirá uma investigação aprofundada sobre as causas do incidente, mas tudo indica que o túnel deverá ser reaquecido (o LHC permanece numa temperatura de 271,3 graus Celsius negativos, muito próxima ao zero absoluto) para fazer os reparos, o que deve demorar cerca de dois meses.

Numa situação normal, em que a máquina não exija uma temperatura tão baixa, os reparos demorariam apenas alguns dias para serem feitos.

Leia também:

Leia mais sobre: Buraco negro , LHC

    Leia tudo sobre: acelerador de partículasburaco negrocernlhc

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG