Exibição de filme na UFMG termina em confusão

SÃO PAULO ¿ A exibição de um filme sobre a legalização da maconha terminou em confusão na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), após a interferência da Polícia Militar do Estado. Segundo a assessoria da universidade, um estudante foi detido e outros estudantes ficaram feridos.

Redação |

Em nota, a reitoria da universidade afirma que não autorizou a exibição do filme Grass Maconha, que seria feita pelo Instituto de Geociência (IGC) da UFMG. Os estudantes se dizem indignados com a repressão.

A reitora em exercício, professora Heloisa Starling, disse que a diretoria do IGC entrou em contanto com a reitoria pedindo auxílio da segurança, pois não havia autorizado a exibição do filme. Eu não autorizei a presença da polícia dentro do campus, mas a nossa segurança estava no local. O que aconteceu foi que o policiamento que fica na região da universidade viu a tensão no local e chamou reforços, explicou a professora.

Os estudantes associaram a ação da polícia ao período da ditadura militar e protestaram em comunicado enviado à imprensa. Fazemos uma pergunta séria e sincera aos estudantes: é essa Universidade que a sociedade precisa? Uma Universidade em que divergências viram casos de policia, ou pior, invasões da policia no campus. Um reitorado que se diz democrático, mas que a repressão é a sua maior arma contra os desacordos. Lembra alguma coisa? Lembra algum Estado de coisas? Mas não passou? Não! Ontem o filme não passou no IGC!.

Heloisa Starling afirmou também que, até onde sabe, um estudante foi detido e duas estudantes ficaram feridas. Todos foram acompanhados por um membro da universidade. Solicitei que o Assessor Especial da Reitoria para a área de Saúde, Professor Paulo Pimenta de Figueiredo Filho, acompanhasse os estudantes em atendimento no Pronto Socorro, e que o Procurador-Geral, Professor Fernando Jayme, acompanhasse o registro policial relativo ao aluno preso.

A reitora afirmou também que irá anunciar uma comissão sindicância para apurar o caso.

Leia mais sobre: UFMG

    Leia tudo sobre: ufmg

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG