Estudantes vão para Brasília viver uma semana como deputados federais

SÃO PAULO - A Secretaria de Estado da Educação anunciou, nesta quinta-feira, os dez alunos do 3º ano do ensino médio de escolas estaduais e um de escola particular, do Estado de São Paulo, que passarão uma semana em Brasília como ¿Deputados Federais Mirins¿, junto a outros 67 estudantes de todo o Brasil.

Redação |

Acordo Ortográfico Entre os dias 10 e 14 de novembro, os estudantes farão parte do Parlamento Jovem, participando de atividades na Câmara dos Deputados e discutindo assuntos ligados ao processo democrático, tendo a oportunidade de conhecer a rotina dos parlamentares e o funcionamento da Câmara.

Neste ano, entre os paulistas, a preocupação se centrou na criação de fossas biodigestoras em áreas rurais e urbanas sem saneamento; coleta seletiva de lixo em casas, indústrias, escolas e órgãos públicos; comitês escolares de incentivo ao esporte e linha de crédito bancário para agricultores.

O programa escolhe estudantes de todo o Brasil para formular simulações de projetos de lei. O número de representantes por Estado é proporcional ao número de deputados federais que cada unidade da federação tem na Câmara dos Deputados. São Paulo é o Estado que tem a maior representatividade no Parlamento Jovem.

Os 11 deputados federais jovens paulistas foram selecionados entre 33 representantes do Estado. São eles: William Benedito Mederios, de Suzano; Patrícia de Oliveira Silva, de Itu; Ricardo Luan Bonanno Souto, de São Vicente; Rafael Henrique Bonin da Silva Rosa e Nilton Carlos Pacola Júnior, de Jaboticabal; Alex Novaes de Santana, de Campinas Leste; Maria Gabriela Cavalheiro, de Jaú; Emily Fernanda de Oliveira Campos, de Birigui; Gabriela Cristina Carneiro Vilione, de Franca; e Maharishe Gonçales Machado, de Apiaí.

Leia mais sobre: Deputados Federais Mirins

    Leia tudo sobre: deputados mirinseducação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG