Estudantes do Acre não se interessam pelo SiSU

O Sistema de Seleção Unificada (SiSU) criado pelo Ministério da Educação para distribuir vagas das instituições federais de ensino superior por meio das notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não atraiu os jovens acreanos. O estado apresentou o menor número de inscrições no sistema. Apenas 965 alunos manifestaram interesse no processo de seleção.

Priscilla Borges, iG Brasília |

Eles representam apenas 6,5% dos jovens que haviam se inscrito no Enem. Em julho, antes da decisão de adiar a aplicação do exame por causa da fraude cometida durante impressão da prova, 14.762 estudantes queriam participar da avaliação.

Vale ressaltar que nem todos os 14 mil estudantes acreanos que se inscrevem no Enem compareceram ao exame. A média nacional de abstenção às provas aplicadas em dezembro do ano passado foi de 37,7%. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação das provas do exame, ainda não divulgou o número de faltosos cada Estado.

Os dados do Censo Escolar 2009 reforçam a tese de que poucos estudantes acreanos se interessam pelas opções de acesso ao ensino superior oferecidas pelo MEC. Em 2008, 32.473 jovens concluíram a etapa final da educação básica. Todos são candidatos potenciais ao Enem e ao SiSU. Porém, as inscrições no exame foram feitas por apenas um terço deles.

Júlio Gregório, professor e ex-subsecretário de Educação do Distrito Federal, acredita que o adiamento da aplicação das provas do Enem tenha provocado a desistência de milhares de jovens. O vazamento comprometeu todo o sistema porque abalou, de certo modo, a credibilidade do exame. Grandes universidades se retiram do processo e muitos alunos abandonaram a prova, comenta.

Na opinião de Gregório, o interesse dos estudantes e das próprias instituições no sistema deve aumentar ao passo que o processo se consolidar.

Na lanterna das inscrições

Os estudantes do Amapá, Roraima, Alagoas e Sergipe também não demonstraram muito interesse no processo de seleção unificada. Somente 1.017 amapaenses, 2.809 roraimenses, 4.742 alagoanos e 6.170 sergipanos fizeram inscrições no sistema, cuja primeira etapa de cadastro foi finalizada na quarta-feira.

No Amapá, 16.503 estudantes estavam inscritos para participar do Enem. Em Roraima, 13.308; em Alagoas, 45.390 e em Sergipe, 50.913.

    Leia tudo sobre: enemsisu

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG