Três candidatos são excluídos do Enem por usar o Twitter

Estudantes mandaram mensagens pelo celular durante a prova. MEC não divulga nomes dos envolvidos

iG São Paulo |

Pelo menos três estudantes foram eliminados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) por usar o celular e mandar mensagens para o Twitter durante a prova. De acordo com a assessoria do Ministério da Educação (MEC) candidatos dos Estados de Tocantins, Pernambuco e Minas Gerais foram flagrados e excluídos do Enem pelos fiscais.

O edital do Enem proibia o uso de aparelhos eletrônicos, celulares e “qualquer receptor ou transmissor de dados e mensagens”. O MEC afirma que não vai divulgar os nomes dos candidatos excluídos.

Durante a prova de domingo, um repórter do Jornal do Commercio de Pernambuco também usou um celular. Trinta minutos após o início do exame, o jornalista foi ao banheiro e enviou aos colegas de redação uma mensagem com o tema da redação do Enem: “O Trabalho na Construção da Dignidade Humana”. O Enem não utilizou detectores de metal nos locais de prova.

O Enem está suspenso em todo o País desde segunda-feira (9). A juíza Karla de Almeida Miranda, da 7ª Vara Federal do Ceará, acatou pedido do Ministério Público Federal e determinou a suspensão de todos os processos que envolvem o exame. A divulgação dos gabaritos das provas, prevista para a última terça-feira (9), também foi vetada pela juíza .

    Leia tudo sobre: EnemproblemasprovasTwitter

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG