SiSU ficará fora do ar das 19h30 às 20h desta segunda-feira

Ministério da Educação pretende fazer manutenção dos servidores para acelerar sistema durante esse período

iG Brasília |

O Ministério da Educação vai tirar o site do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) a partir das 19h30 desta segunda-feira. Até as 20h, será feita uma verificação nos servidores para tentar identificar o que está causando lentidão no sistema. O prazo de inscrições começou na madrugada deste domingo, mas desde então se mantém lento e, em alguns momentos, ficou fora do ar. Prevista para acabar amanhã, a etapa foi prorrogada até o dia 20, quinta-feira.

Estudantes reclamam em redes sociais e em comentários de matérias no iG Educação que não conseguem entrar no site ou completar todas as etapas do processo. Segundo o MEC, a lentidão se deve à elevada audiência. O hot site do SiSU chegou a receber 47 mil acessos simultâneos e a página de inscrição, 84 mil. Na manhã desta segunda-feira, a média de inscrições chegou a 400 por minuto — a capacidade do sistema é de 50 mil inscrições por hora, ou 833 por minuto. O MEC informa que, quando esse número é superado, ocorre a lentidão e recomenda que as simulações sejam feitas no hot site e o acesso à página de inscrição, somente no momento final.

Apesar dos problemas, 500 mil pessoas conseguiram se inscrever no SiSU até as 12h desta segunda no site que vai distribuir 83.215 vagas em 83 instituições públicas de ensino a partir das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O número representa cerca de 15% do total de candidatos que participaram do exame. O curso de medicina da Universidade Federal do Ceará (UFCE) foi o mais procurado pelos estudantes com 7.680 inscrições até as 10h.

O segundo curso mais procurado foi ciência e tecnologia na Universidade Federal do ABC (UFABC), com 6.495 inscritos, seguido por medicina e direito na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), cada um com 3.786 e 3.724 inscritos, respectivamente. Entre as instituições mais procuradas, em primeiro lugar aparece a UFCE, seguida pela UFRJ, Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) e Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE).

Limite de tempo

O MEC criou um limitador de tempo para o acesso nesta segunda-feira. O estudante terá 20 minutos para movimentar a página e fazer as opções e a inscrição. Caso a mantenha apenas aberta, sem movimentação, ela será fechada em dez minutos. Com a medida, o MEC pretende limitar a navegação excessiva na página de inscrição e melhorar o acesso para os estudantes. As simulações podem ser feitas no hot site, sem limite de tempo.

Confira o novo calendário de inscrições

    Leia tudo sobre: EnemSiSUensino superioruniversidades

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG