Redação sobre trabalho não assusta candidatos no Rio

Estudantes consideraram fácil o tema da redação da prova

Fábio Grellet, especial para o iG |

O nervosismo antes de fazer a prova deste domingo do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), por conta da redação, não se justificou, segundo os primeiros alunos a deixarem o exame na UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), na zona norte da capital fluminense.

“A redação não foi difícil. O tema era ‘Trabalho para a Construção da Dignidade’ e o enunciado apresentava dois textos, um deles sobre a Lei Áurea e outro sobre o trabalho escravo na atualidade”, contou Ana Carolina Aragão Costa, 18 anos.

Ela foi a primeira a deixar o campus da UERJ após a prova, às 14h58, e só foi autorizada a sair porque estava passando mal em razão de uma intoxicação alimentar.

Para Angélica Marinho, 21 anos, a prova de matemática foi mais difícil do que a redação. “Achei o tema [da redação] simples, mas é porque adoro ciências humanas” , contou a jovem, que pretende cursar Letras.

A redação também foi considerada fácil por Danielle Batista do Carmo, 18 anos, que pretende cursar Odontologia. “As provas de ontem foram mais difíceis”, avaliou.

    Leia tudo sobre: Enem

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG