Inscrições no SiSU terminam nesta quinta-feira

Erros, instabilidade e dificuldade de acesso ao site marcam a primeira rodada de inscrições

Marina Morena Costa, iG São Paulo |

A primeira rodada de inscrições no Sistema de Seleção Unificada (SiSU) termina nesta quinta-feira, às 23h59. O sistema seleciona estudantes por meio da nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para 83 mil vagas em instituições públicas de ensino superior.

Desde domingo, quando o sistema foi ao ar para fazer a seleção para o ano letivo de 2011, a ferramenta criada pelo Ministério da Educação (MEC) apresenta problemas técnicos. Na noite de segunda-feira, o site foi retirado do ar por meia hora para manutenção. Os alunos que acessaram o SiSU neste período se depararam com páginas de inscrição com informações de outros candidatos .

O MEC afirmou que não houve vazamento, porque os estudantes viam, mas não conseguiam alterar os dados dos outros candidatos. Mesmo assim, alunos relataram ao iG que tiveram suas inscrições alteradas . Segundo o ministério, isso aconteceu porque houve uma confusão no banco de dados. A recomendação é que todos confiram suas inscrições, para não correr o risco de serem aprovados (ou reprovados) em opções que não escolheram.

Mesmo após o MEC ter afirmado que o sistema estava estável, estudantes continuaram a relatar problemas técnicos e de acesso ao site. A reportagem do iG tentou desde segunda-feira realizar uma inscrição no SiSU e conseguiu somente às 15h desta quinta-feira. A página de inscrições dava o erro 003, “senha inválida” – mesmo quando digitada corretamente. Solicitamos uma senha provisória no site do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e recadastramos uma nova. Tentamos acessar o SiSU em mais de uma máquina e finalmente a página de inscrições abriu. Durante a escolha do curso, o site caiu três vezes, mas conseguimos completar o processo.

Inscrições

Até o meio-dia desta quinta-feira, 918.479 candidatos já haviam preenchido os formulários de inscrição no SiSU . Como cada um pode escolher até dois cursos, o número de opções marcadas por eles chega a 1,7 milhão.

O prazo para o término das inscrições deveria ter acabado na última quarta-feira (18). Porém, uma decisão judicial que mudou o critério das cotas sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) prorrogou as inscrições no SiSU até as 23h59 da próxima quinta-feira. A UFRJ iria disponibilizar 20% de suas vagas para estudantes de escolas públicas do Estado do Rio de Janeiro, mas Justiça determinou que todos alunos da rede pública do País deveriam ter direito a estas vagas reservadas.

Ações

Na quarta-feira, o Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco entrou com uma ação contra o MEC e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para que os órgãos sejam obrigados a conceder vista das provas a todos os candidatos do Enem e abrir prazo para que os estudantes possam entrar com recurso contra os resultados.

De acordo com o MPF-PE, o edital do exame apresenta “flagrante ofensa aos princípios constitucionais da ampla defesa, do contraditório, da publicidade e da isonomia”, pois não permite recurso.

Na terça-feira, o Ministério Público Federal no Ceará solicitou à Justiça Federal que determine a suspensão das inscrições pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU). O órgão quer também que o MEC garanta aos estudantes que se submeteram ao exame a possibilidade de apresentar recursos contra as notas obtidas nas provas. Outro pedido parecido foi realizado pela Defensoria Pública do mesmo Estado .

A central de atendimento aos estudantes do Ministério da Educação é 0800 61 61 61. Os atendentes estão em plantão para atender sobre o SiSU e o ProUni, do dia 16 ao dia 25 de janeiro, das 6h às 23h59 (todos os dias).

    Leia tudo sobre: SisuEneminscriçõesproblemaserros

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG