Inep vai mudar sistema de acesso às notas do Enem

Esta é a primeira alteração realizada pelo instituto após o vazamento dos dados pessoais, que também motivou abertura de auditoria

AE |

selo

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) vai mudar o modo pelo qual os estudantes têm acesso às notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pela internet. O jornal O Estado de S. Paulo apurou que essa é a primeira alteração no sistema do exame realizado pelo instituto após o vazamento dos dados pessoais, que também motivou abertura de uma auditoria interna.

Não é mais possível recuperar a senha de inscrição na página do exame. Um dispositivo nesse site dava acesso à senha dos candidatos assim que um usuário informasse número de inscrição, CPF, nome, Estado de origem e data de nascimento - as mesmas informações disponíveis nos arquivos que ficaram expostos na internet, conforme o Estado revelou anteontem.

A avaliação é que o caminho era frágil e, por isso, será alterado. Foi por meio dessa ferramenta que a reportagem chegou ao desempenho dos estudantes, entre eles o filho do ministro Fernando Haddad (Educação).

O MEC enfrentava problemas com sistemas de tecnologia bem antes do vazamento dos dados. No começo do ano, usuários enfrentaram congestionamento durante a inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona candidatos do Enem para as vagas de institutos e universidades federais. Em março, outro problema técnico no Sisu fez com que estudantes não classificados aparecessem como convocados para matrícula. A auditoria interna que o Inep está tocando ainda não tem data para terminar. A ideia é monitorar as "fragilidades" de todo o sistema, segundo informou o instituto. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: eneminep

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG