Cesgranrio afasta profissional por falha em pré-teste do Enem

Após inquérito concluir que fundação terceirizou aplicação de questões no Ceará, representante no Estado é afastado

Daniel Aderaldo, iG Ceará |

A Fundação Cesgranrio afastou o representante no Ceará que aplicou em outubro de 2010 o pré-teste do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para os alunos do Colégio Christus , de Fortaleza.  Questões testadas na ocasião foram divulgadas a estudantes da escola antes do Enem 2011.

Falha na Cesgranrio:
Afastado representante no Ceará responsável por pré-teste
Inquérito da PF: Professor e funcionário do Colégio Christus vão responder por estelionato

Após o inquérito da Polícia Federal concluir que a Cesgranrio terceirizou a aplicação do pré-teste, o Ministério da Educação (MEC) pediu explicações sobre as falhas que ocorreram durante o processo. Como resposta, o responsável não vai mais participar da aplicação de novos concursos organizados pela Cesgranrio, instituição foi contratada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) – órgão federal ligado ao MEC responsável pelo Enem – para aplicar o pré-teste.

“A Cesgranrio decidiu não mais utilizar um de seus representantes no Ceará em eventos enquanto não tiverem sido concluídas todas as apurações das autoridades competentes”, informou a fundação ao iG por meio de sua assessoria de imprensa.

A instituição preferiu não divulgar o nome de seu representante no Ceará, mas explicou que não foi uma demissão, por não se tratar de um funcionário contratado.

*Colaborou Priscilla Borges, do iG Brasília

    Leia tudo sobre: Enempré-testeChristusCesgranrio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG