Até o meio-dia desta quarta, SiSU tem 1,2 milhão de inscrições

Todos os 3,3 milhões de candidatos que fizeram o Enem têm direito de se inscrever e prazo termina nesta quinta

iG São Paulo |

De acordo com boletim do Ministério da Educação, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) recebeu, até as 12h desta quarta-feira, um total de 1,2 milhão de inscrições desde domingo. Teoricamente, os 3,3 milhões de pessoas que fizeram o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) podem se inscrever para concorrer as 83 mil vagas em instituições de ensino superior, mas algumas podem ter feito a prova com interesse apenas em financiamento ou bolsa. O sistema estará aberto até as 23h59 de quinta-feira, das 6h à meia-noite.

Estudantes ainda reclamam que o site está com erros e lentidão.

Pelas regras do Sisu, o estudante pode se inscrever em até dois cursos — um deles deve ser selecionado como primeira opção. Quem for aprovado no curso de primeira opção, é automaticamente retirado do sistema. Caso não faça a matrícula na instituição para a qual foi selecionado, perde a vaga.

O estudante que for selecionado para a segunda opção ou não atingir a nota mínima para nenhum dos dois cursos escolhidos pode permanecer no sistema e ser convocado nas chamadas seguintes, a critério da instituição de ensino.

Maiores procuras

O curso de bacharelado em ciência e tecnologia da Universidade Federal do ABC (UFABC), instituição com sede em Santo André (SP), é o que tem o maior total de inscritos — recebeu, até o momento, 12.275 inscrições, para 1,5 mil vagas. Mas a maior concorrência está nos cursos de Medicina. O da Universidade Federal do Ceará (UFCE) tem 10.414 candidatos para 300 vagas.

Entre os cursos com maior procura, dez estão na região Nordeste, ofertados pelas universidades federais do Semiárido (Ufersa), com sede em Mossoró (RN), do Maranhão (UFMA), Rural de Pernambuco (UFRPR) e do Piauí (UFPI).

Os cursos de pedagogia das universidades federais do Maranhão (UFMA) e do Piauí (UFPI) estão entre os dez mais procurados pelos candidatos no Sistema de Seleção Unificada (SiSU), conforme o balanço das 12h desta quarta-feira.

Problemas e Justiça

Até quinta-feira a Justiça Federal deve decidir se acata pedidos do Ministério Público e da Defensoria Pública para suspensão das inscrições e direito a recurso judicial por quem se sentir prejudicado pela correção. O edital do exame não permite recursos, mas muitos estudantes reclamam que receberam nota zero ou ausência na prova em dias em que responderam as questões.

    Leia tudo sobre: EnemSisuinscriçãolentidãositeprazo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG