Inep libera consulta a notas do Enem 2012

Estudantes que participaram do exame podem conferir os resultados no site oficial. Além disso, há um guia para entender os cálculos das provas objetivas

Priscilla Borges - iG Brasília | - Atualizada às

Os estudantes que participaram da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cujas provas foram aplicadas nos dias 3 e 4 de novembro, podem conferir as notas obtidas nas provas nesta sexta-feira.

Leia mais:  Notas das redações do Enem vazam e confundem estudantes

2013:  Sisu vai oferecer 129.279 vagas em 3.751 cursos

Os resultados estão disponíveis no site no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) . Para acessar o portal, os candidatos precisam ter em mãos o CPF e a senha de cadastro (a mesma usada para se inscrever no exame).

Regras: Quanto vale sua redação do Enem

Na última quinta-feira, os resultados das provas de redação ficaram disponíveis por cerca de uma hora, entre 16h e 17h, devido a um teste no sistema, segundo informação do Ministério da Educação. O acesso aos dados causou alvoroço entre os candidatos nas redes sociais e a recomendação do MEC era para que aguardassem a divulgação oficial.

Estudantes ouvidos pelo iG  que haviam conseguido checar as notas da redação nesta quinta-feira confirmaram que a pontuação que aparece hoje para eles no sistema é a mesma de ontem. Alguns já esperavam pela nota, outros se surpreenderam. Wesley Alexsander, que quer tentar uma vaga em Direito pelo Programa Universidade para Todos (Prouni) questiona a pontuação.

"A nota é a mesma que fora divulgada ontem. Fiz 720 pontos e esperava mais. Em 2009, alcancei 910 pontos. Quero recorrer, porque tenho dúvidas em relação à forma de correção", diz. Vale lembrar que o MEC mudou as regras de correção dos textos , já que, no ano passado, houve muitos questionamentos dos alunos. No entanto, não há recurso administrativo contra as notas. 

Correção: Entenda como os textos serão avaliados em 2012

Gabriel Cruz, da cidade de Aracruz (ES), ao contrário, alcançou a média que esperava. O jovem fez 900 pontos na redação. "Me preparei o ano inteiro na construção de textos, não me importando muito com temas específicos que "estavam em alta" (união homoafetiva, aborto, código florestal), mas sim em dominar os textos motivadores, entender o que era proposto e redigir uma boa dissertação através do tema", conta.

Guia para entender as notas

Além dos resultados, o Inep divulgou uma cartilha para que os estudantes que participaram do Enem entendam como as notas são calculadas. A demanda por explicações sobre o significado de cada nota - se ela significa ter aprendido muito ou pouco conhecimento, por exemplo - é antiga. Desde que a metodologia das provas foi mudada para a Teoria de Resposta do Item (TRI) , em 2009, o documento é aguardado.

No guia, os técnicos esclarecem que a metodologia não calcula as notas do modo como estamos "acostumados" e, por isso, muitas vezes, os candidatos não compreendem porque tiraram notas mais altas em uma prova em que acertaram 30 questões e mais baixa em uma que acertaram 40. "Na prova objetiva do Enem, a nota não é calculada levando-se em conta somente o número de questões corretas, mas também a coerência das respostas do participante diante do conjunto das questões que formam a prova realizada", afirma o documento.

O documento contém gráficos, exemplos e uma lista de dúvidas mais frequentes. Para ler a cartilha, basta clicar aqui .

Sisu

Com as notas, os estudantes podem se candidatar às vagas de 101 instituições públicas que participam do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). No primeiro semestre de 2013, serão oferecidas 129.279 vagas em 3.751 cursos.

Enem: Redação para presos mostra que provas não são comparáveis

Professores analisam quatro redações de candidatos do Enem

As inscrições para o Sisu estarão abertas entre 7 a 11 de janeiro, somente pela internet. Os estudantes já podem consultar a distribuição das vagas, localidades e turnos disponíveis no portal. As regras e o cronograma dessa edição foram publicados nesta quarta-feira.

A primeira chamada de selecionados está prevista para 14 de janeiro. Os convocados devem providenciar a matrícula em 18, 21 e 22 do mesmo mês. A segunda chamada será divulgada em 28 de janeiro, com matrícula em 1°, 4 e 5 de fevereiro.

Novidades

É bom lembrar que, pela primeira vez, todas as instituições federais que participam do Sisu terão de reservar parte das vagas disponíveis aos estudantes egressos de escolas públicas. Todas as opções devem ser feitas pelo candidato durante o período de inscrições.

O estudante pode fazer até duas opções de curso, por ordem de preferência. Ao longo do período de inscrições, que vai até as 23h59 de 11 de janeiro de 2013, o estudante pode alterar ou cancelar as opções feitas.

Quem não for selecionado nas duas primeiras chamadas poderá participar da lista de espera, usada pelas instituições para convocar candidatos a vagas remanescentes. O prazo de adesão à lista vai de 28 de janeiro a 8 de fevereiro.

    Leia tudo sobre: Enem 2012Sisuensino médioinep

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG