Prazo para matrículas do Sisu é prorrogado até esta quinta-feira

Ministério da Educação deu mais um dia para selecionados confirmarem vagas nas universidades

iG São Paulo |

Os aprovados na segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de meio de ano têm mais um dia para fazer a matricula nas instituições de ensino. O prazo previsto para acabar nesta quarta-feira foi prorrogado para quinta-feira (19). O resultado da segunda convocação pode ser conferido na página do sistema na internet .

Segundo o Ministério da Educação, o prazo foi ampliado em função da greve dos servidores públicos . O ministro Aloizio Mercadante disse que a prorrogação foi necessária para garantir uma margem de segurança, mas não há registro de que os estudantes tenham enfrentado problemas no processo de matrícula.

Quem não foi aprovado na segunda chamada ainda tem até 19 de julho para se inscrever na lista de espera. A convocação dos candidatos desta terceira etapa será realizada pelas instituições a partir do dia 24 de julho.

Participam do Sisu do segundo semestre 642.878 candidatos para concorrer a 30.548 vagas oferecidas em 56 instituições de educação superior públicas de 21 unidades da Federação. Foram feitas 1.245.437 inscrições — cada candidato poderia optar por até dois cursos. O Sisu é o sistema informatizado do Ministério da Educação pelo qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas a candidatos participantes do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) .

Segundo o iG apurou, a maioria das vagas será preenchida na lista de espera . As universidades chamaram na segunda fase alunos para preencher entre 70% e 85% das vagas oferecidas.

Opinião: Greve nas federais é resultado da expansão das universidades

Na Universidade Federal do Ceará (UFC), a segunda com mais inscritos no Sisu do meio de ano (108.574), apenas 28% dos candidatos já se inscreveram. A instituição ofereceu 1637 vagas, mas apenas 450 realizaram matrícula. O índice é inferior ao registrado na primeira seleção do ano, quando quase 60% das vagas foram ocupadas já na primeira chamada.

Sisu contestado
O Ministério Público Federal do Ceará chegou a contestar o Sisu do meio do ano e pediu a anulação da seleção, mas a Justiça manteve o processo válido . Segundo o procurador federal Oscar Costa Filho, os candidatos aprovados no Exame Nacional de Ensino (Enem) de 2011 já matriculados em instituições de ensino não poderiam participar da nova seleção para evitar fraudes e que vagas fiquem ociosas. A juíza federal substituta da 8ª Vara, Elise Avesque Frota, não entendeu que há ilegalidade na prática, pois tratam-se de novas vagas e todos os participantes do Enem têm direito a se candidar para elas.

A prática de se candidatar a vagas no Sisu mesmo já matriculado em universidades públicas ou em particulares com bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni) é comum. Conforme o iG mostrou, universitários a concorrem novamente por decepção com o curso escolhido, maior facilidade de ingresso em carreiras concorridas ou simples teste para ver se seriam aprovados.

Veja fotos de universidades que estão no Sisu do segundo semestre: 



    Leia tudo sobre: Sisuuniversidadesensino superior

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG