Embaixada dos EUA faz mutirão de vistos para bolsistas

A partir de segunda, consulados e a própria embaixada farão esforço para liberar vistos para os primeiros 630 alunos

iG Brasília |

Durante toda a semana que vem, a Embaixada e os consulados dos Estados Unidos no Brasil farão uma força-tarefa para liberar mais rápido os vistos dos primeiros 630 bolsistas do programa Ciência sem Fronteiras . Entrevistas e palestras sobre estudos no país serão realizadas entre os dias 19 e 23 de dezembro.

Os Estados Unidos vão oferecer, ao longo de 2012, 4,5 mil vagas para o programa, que pretende enviar 100 mil estudantes brasileiros para instituições estrangeiras até 2014. O primeiro edital foi lançado em julho, para testar o interesse dos candidatos. Mais de 7 mil universitários se candidataram às 1,5 mil bolsas oferecidas.

No dia 19, em Brasília, o embaixador dos EUA no Brasil, Thomas Shannon, recepcionará 79 universitários que farão entrevistas de vistos. Outros 126 serão atendidos no Rio de Janeiro e 304, em São Paulo (entre segunda e terça-feira). Em Recife, 118 bolsistas assistirão palestra da Comissão Fulbright e EducationUSA sobre estudos nos EUA no dia 23.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG