Dobra número de aprovados para a 2ª fase do Exame de Ordem

OAB divulga resultado final com convocados após recurso; 50 mil candidatos farão a prova no dia 4 de dezembro

iG São Paulo |

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) divulgou nesta segunda-feira (21) a lista final dos aprovados para a segunda fase do 5º Exame de Ordem Unificado, com os convocados após recurso. Foram aprovados mais de 50 mil candidatos, quase metade dos 108.335 inscritos no processo seletivo para conseguir o registro que permite advogar. Também foi liberada a consulta aos espelhos das folhas de resposta , após o recurso.

- Veja a lista de aprovados no 5º Exame de Ordem
-
Consulte o espelho da prova

A porcentagem, 46%, é bem maior do que a de aprovados para a segunda etapa na última edição do Exame de Ordem. No 4º exame, 18% passaram na primeira fase, 21.840.

Os aprovados farão a parte prática no dia 4 de dezembro. A prova prático-profissional consiste em quatro questões dissertativas e uma peça jurídica sobre a área do Direito que os candidatos escolheram na inscrição: administrativo, civil, constitucional, do trabalho, empresarial, penal ou tributário.

Na sexta-feira, a OAB anulou uma questão da prova da primeira fase. Com a decisão, a pontuação relativa vale para todos os candidatos. A questão anulada era a 27 da prova tipo 1.

Na próxima terça-feira, a OAB irá lançar o Selo OAB, que será concedido às instituições de ensino superior que apresentam índices satisfatórios de qualidade nos cursos de Direito. O selo será dado a partir do cruzamento dos dados do último Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) e os últimos resultados obtidos no Exame de Ordem Unificado. O lançamento será feito no Centro de Convenções ExpoUnimed, em Curitiba (PR), durante a 21ª Conferência Nacional dos Advogados.

Exame constitucional

No mês passado, o Supremo Tribunal Federal julgou recurso extraordinário do bacharel em direito João Volante, de 61 anos, que pedia o direito de advogar sem a aprovação no exame. Por unanimidade, os ministros consideraram a prova constitucional . Antes mesmo da decisão, a Ordem já havia divulgado o calendário das próximas provas até 2013.

Leia todas as matérias publicadas na série sobre o Exame de Ordem:

- As melhores: Elas são as melhores, mas não aprovam 100% na OAB
- Outras profissões:
Contabilidade tem exame exigido por lei e Medicina quer prova
- MEC x OAB:
Um terço das 30 piores instituições na OAB tem boa nota pelo MEC
- Histórico:
Exercício da profissão de advogado já foi livre no Brasil
- Outros países: Exame para exercer advocacia é comum em outros países
- Entre as piores: "40% dos docentes são ruins", diz aluna de curso que zerou na OAB
- Cursinhos: Estudantes revisam, decoram e aprendem nos cursinhos da OAB

- Depoimentos: Dificuldade extrema da prova da OAB é principal crítica de bacharéis

    Leia tudo sobre: Exame de ordemOAB

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG