CPF continua obrigatório para inscrição no Enem 2010

Para fazer a inscrição, prorrogadas até dia 16 de julho, o estudante precisará levar RG e CPF próprio

iG São Paulo |

A apresentação do CPF continua sendo obrigatória para que estudantes façam a inscrição para o Enem 2010. A decisão foi tomada nesta sexta-feira pelo desembargador José Antônio Lisboa Neiva, do Tribunal Regional Federal da 2ª região, que acolheu as razões apresentadas pelo Ministério da Educação e cassou a liminar que obrigava o Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas, a aceitar inscrição sem CPF próprio.

Neiva cedeu ao argumento dos advogados do Inep e do MEC, segundo o qual o CPF é o único documento nacional, com garantia de segurança para todos os inscritos da prova. O desembargador justificou a decisão, ainda, lembrando que a facilidade com que se conseque tirar o documento em todo o território nacional.

Como o Inep decidiu prorrogar as inscrições até a próxima sexta-feira, dia 16 de julho, os estudantes que ainda não fizeram suas inscrições devem fazê-la, apenas no portal enem.inep.gov.br, munidos de CPF próprio e de RG. As inscrições foram prorrogadas atendendo a um pedido dos governadores de Penambuco, Eduardo Campos, e de Alagoas, Teotônio Vilela. Há dias, os dois Estados sofrem com as fortes chuvas que atingem a região.

    Leia tudo sobre: EnemInepinscrição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG